[Quinta Essência]Opinião - "Segredos de Paris", de Luanne Rice


Luanne Rice



















Sinopse: Lydie McBride sempre viveu a vida ao máximo. Mas quando uma tragédia impensável atinge a sua família tudo aquilo em que acredita se estilhaça. Michael, o seu marido arquiteto, vê a paixão desaparecer dos olhos de Lydie e do seu casamento, e espera que uma temporada de trabalho em Paris os ajude a regenerar o amor que noutros tempos parecera inatacável. Mas a Cidade das Luzes contém segredos e seduções para ambos. Enquanto Michael se dedica ao seu projeto de design no Louvre — e cai na esfera de ação de uma francesa misteriosa, sedutora —, Lydie encontra inspiração para o seu trabalho como designer de ambientes e enceta uma amizade com duas mulheres muitíssimo diferentes que a irão tornar capaz de encontrar uma nova vida. Haverá lugar para o homem com quem sempre quis partilhar essa vida… se conseguir voltar a encontrá-lo?


Opinião: A minha estreia com esta autora! Quanto a este livro estou um pouco sem saber o que dizer, por um lado amei cada página, por outro apetece bater numa das personagens. E talvez seja esta a razão de ter gostado tanto deste livro. Não há nada melhor que um livro que nos consiga preencher e fazer transbordar os nossos sentimentos e foi mesmo isso que se passou durante esta leitura. Foi um pouco mais lenta que o normal, mas não estar a gostar, mas sim porque não queria que nenhum pormenor me escapasse. Devo dizer que é uma história intensa sobre o poder do amor e da amizade, que nos faz pensar até onde conseguimos amar alguém. Ao inicio temos Lydie que viu avida da sua família ser arrastada para a desgraça, com o assassínio da amante do seu pai e suicídio do mesmo, este drama tão real para algumas pessoas faz com que a personagem Lydie se refugie em si mesma, não deixando transparecer os seus sentimentos para o mundo que a rodeia, acto esse que começa a prejudicar o seu casamento com Michael. É então que Michael arranja trabalho em França, e pensando que vai melhorar a situação aceita de imediato, mas infelizmente nem tudo acontece como esperamos. Michael vê o seu casamento cada vez mais destruído e os seus sentimentos por Lydie começam a ser questionados, é então que aparece Anne Dumas, por quem se encanta…é aqui que me apetece “matar” esta personagem, pois tal como na vida real Michael não tenta lutar contra aquela atracção, muito pelo contrário chega a estar deitado ao lado da mulher e a fantasiar com Anne. Para ser sincera, dificilmente encontrei uma personagem tão idiota e tão real como Michael, os sentimentos por ele durante todo o livro foram de confusão e acho que ele se tornou aquela personagem que todos adoramos odiar…confusos? Bem, leiam o livro e depois contem-me se sentiram o mesmo. É durante esta confusão que Lydie conhece Patrice, outra americana, que mora em Paris e que é casada com o dono de uma famosa joalharia, esta ajudará Lydie a passar por toda esta fase difícil da sua vida e aos poucos iram construir uma solida amizade que durará para o resto das suas vidas. Mas não é tudo, para completar o triangulo de amizades, temos também Kelly, a empregada filipina de Patrice, que tem como sonho emigrar para os Estados Unidos…juntas, iram atravessar duras provas para conseguirem atingir os seus objectivos.
Como disse ao início, este foi o primeiro livro que li desta autora e devo dizer que fiquei bastante curiosa em relação aos outros. É um bom livro, com uma história leve e apesar do assunto não ser novidade, leva nos a viajar até Paris e a perder-mo nos de amor pela cidade e pelo Louvre. Luanne Rice, estás aprovada! J

1 comentário:

  1. Mais uma excelente opinião para aguçar a minha curiosidade! Ainda só li um livro desta autora, mas adorei!

    bjinhs

    ResponderEliminar