[Porto Editora]Novidade "Um Blues Mestiço",de Esi Edugyan


Título: Um Blues Mestiço
Autor: Esi Edugyan
Tradutor: Tânia Ganho
Págs: 336
PVP: 16,60 €


Uma melodia em prosa
Um Blues Mestiço, de Esi Edugyan, foi um dos finalistas do Man Booker Prize
Em 2011, Um Blues Mestiço, de Esi Edugyan, foi finalista do Man Booker Prize e vencedor do mais importante galardão do Canadá, o Scotiabank Giller Prize, entre muitos outros prémios literários. No dia 13 de setembro, este romance chega finalmente a Portugal.
Entre os grandes salões de Paris e os bares clandestinos de Berlim, a Segunda Guerra Mundial e a década de 90, são muitos os cenários, histórias e emoções que completam Um Blues Mestiço, um livro sobre amizade e traição no seio de uma banda de jazz - género considerado subversivo durante a ocupação nazi.


O LIVRO
Paris, 1940. Em plena ocupação alemã, Hieronymous Falk, um jovem e brilhante trompetista de jazz, é detido num café, desaparecendo completamente de circulação. Tinha apenas vinte anos, era cidadão alemão e... negro.
Cinquenta anos depois, Sid, antigo companheiro de banda e única testemunha desse fatídico acontecimento, ainda se recusa a falar do assunto. No entanto, quando Chip, outro ex-companheiro, lhe mostra uma misteriosa carta que recebeu de Hieronymous, vivo e de boa saúde, Sid enceta uma dolorosa viagem ao passado. Da agitação dos bares clandestinos da Berlim do início da Segunda Guerra aos salões de Paris, irá reviver a paixão pela música, a camaradagem e a luta diária de então, mas também as invejas, as traições em nome da arte e o sentimento de culpa…
Um romance extraordinário sobre o mundo do jazz, mas também sobre os limites da amizade, o racismo e a fragilidade dos que vivem à margem.


A AUTORA
Esi Edugyan é uma escritora canadiana, filha de imigrantes do Gana. É licenciada pela University of Victoria e a Johns Hopkins University, e mestre em Escrita Criativa. Os seus trabalhos foram publicados em diversas antologias, entre elas a Best New American Voices 2003, coordenada por Joyce Carol Oates. O seu primeiro romance, escrito com apenas 25 anos, The Second Life of SamuelTyne, foi publicado em vários países. Um Blues Mestiço foi finalista do Man Booker Prize 2011 e vencedor do Giller Prize 2011.
Página da autora: www.esiedugyan.com


IMPRENSA
Um murro no estômago… uma escrita perfeita, personagens credíveis e um retrato de época bastante convincente.
The Guardian

Uma história arrebatadora sobre lealdade e traição…
The Times

Assertivo, intenso e cativante… Uma evocação notável de uma época e dos seus lugares.
Time Out London

Hipnotizante… Edugyan tem um dom especial para os diálogos e para retratar as complexidades do ser humano e os seus sentimentos… amor, inveja… um romance extraordinário.
Morning Star

Um romance brilhante e original… carregado de tensão e humor.
Independent on Sunday

Extraordinário no retrato de época, no jargão dos músicos de jazz e nas típicas piadas masculinas.
Independent

0 comentários:

Enviar um comentário