[Quetzal]Novidades a caminho...da Quetzal

Odeio a Internet, de Jarett Kobek
Género: Literatura / Romance
N.º de páginas: 368
PVP: € 17,70
Data de lançamento: 19 de janeiro de 2018

Neste romance hilariante, a Internet é um mundo obsceno e deprimente: as personagens vivem dependentes de uma fotografia no Instagram e de um post no Facebook, bem como dos seus próprios ódios, indignações, pregações morais e armadilhas estendidas com perfídia e crueldade. Como foi possível aceitarmos um mundo em que aplaudimos e endeusamos os líderes das grandes empresas que enriquecem à custa dos fracos e dos ingénuos, ao mesmo tempo que abdicamos da nossa liberdade, dos nossos direitos e da nossa intimidade? Como pudemos permitir que esse gigantesco universo de «redes sociais», comentários instantâneos, gritaria, ameaças, vaidade fotográfica, ódio às mulheres, notícias falsas ou tweets idiotas que inundam a Internet se transformassem nas armas dos novos escravos – seres infelizes cuja maior alegria é causar infelicidade aos seus semelhantes? «Odeio a Internet» é um romance cínico, cómico, paranoico, justiceiro, feminista, inteligente e cruel. Impossível parar de ler.
Jarett Kobek é um escritor norte-americano de ascendência turca. Vive na Califórnia. É um humanoide canibal habitante do submundo (C.H.U.D.) da literatura internacional.
O seu primeiro romance, Odeio a Internet, foi publicado ou tem publicação prevista em sete idiomas.

0 comentários:

Enviar um comentário