[SDE]Opinião "Rutura Mortal", de J.D. Robb

Titulo: Rutura Mortal
Autor: J.D. Robb

Reva Ewing é uma especialista em segurança nas empresas Roarke. Agora é também a principal suspeita de um duplo homicídio. Tinha todos os motivos para matar o marido que cometera adultério com a sua melhor amiga.
Mas a tenente Eve Dallas acredita na inocência de Reva. Os seus instintos dizem-lhe que tudo parece excessivamente planeado no local do crime e, à medida que ela investiga, surgem novos detalhes: a vítima morrera esfaqueada com uma faca de cozinha e foram destruídas informações vitais no seu computador.
Para Roarke, esse ataque informático constitui a verdadeira ameaça. Ele e Reva preparavam um novo programa para combater terroristas cibernéticos que infetam sistemas informáticos de empresas. E agora, de modo a impedir que um vírus se propague no país inteiro, terão de ser eles a infiltrar-se em organizações secretas… e a lidar com as consequências mortais. 

Este foi, sem duvida, um livro de muitas emoções. Um daqueles que começamos a ler e já não queremos parar.. Mas será que existe algum desta série que não esteja assim avaliado? Sinceramente, esta autora deve querer arruinar as nossas carteiras, porque estes são livros de chorar por mais.
Sei que devia de andar já cansada, farta de ler sempre sobre as mesmas personagens e do mesmo género de historia, mas a verdade é que nada disso se passa. Para além de irmos conhecendo muitos detalhes do passado das personagens ao longo de cada livro, a forma como a autora vai desenrolando cada enredo faz-me pensar como ela consegue ter uma imaginação tão fértil e ao mesmo tempo ter um cuidado extremo com cada detalhe que vai relatando, fazendo com que o leitor se sinta uma parte integrante do livro.
Este volume foi um daqueles que nos prende desde o primeiro momento, que nos faz questionar a todo o instante sobre o que se está a passar e se querem saber nunca me passou pela cabeça a verdadeira identidade do assassino. Foi com uma enorme surpresa que vi a verdade bem na frente dos meus olhos e mesmo assim não queria acreditar naquilo que estava a ler. Nada me tinha preparado para aquilo e ainda mais surpreendente foi a forma como o criminoso foi preso. Apesar disso houve algo que me deixou um pouco reticente…o final! Para um livro tão fantástico, tão arrebatador creio que aquele não era o momento de terminar a historia e só por isso não consigo dar a pontuação de 5 estrelas, algo que me deixa muito triste porque o livro realmente merecia essa classificação.
As nossas personagens favoritas continuam a deixar-nos sempre com vontade de conhecer mais um pouco sobre os seus passados e com este livro conhecemos mais um pouco acerca do pai de Eva e Roarke, sendo que foi interessante perceber como estas duas personagens malvadas estavam, de certa forma, envolvidas no passado. Não quero estar a estragar mais surpresas, até porque muitas outras se encontram neste livro, mas posso dizer que foram muitas as vezes que tive vontade de mandar umas boas bofetadas tanto no Roarke como na Eve. São dois teimosos inveterados, mas que no fundo se amam tanto… ou seja, são o sonho de muita gente. Adoro conhecer o desenvolvimento do casamento deles em cada livro, tal como Peabody, que agora sendo detetive também vai dando grandes passos na sua carreira e na sua vida pessoal. É apaixonante ver como a relação entre ela e McNab, a forma de interação entre estes dois deixa qualquer pessoa com um enorme sorriso e até se torna impossível de não largar uma enorme gargalhada em certas ocasiões.
Espero que a Saída de Emergência não demore muito a publicar o próximo livro, pois estou desejosa de continuar a ler esta série. Já agora, parabéns pelas capas, estas últimas estão fabulosas.

2 comentários:

  1. Eu não conhecia esse livro e nem sabia que fazia parte de uma série #chocada. Porém me interessei mesmo assim e super te entendo. Quando gosto de um universo literário fico presa nele até ler tudo que foi publicado a respeito ahuiahuihauhauiha

    Beijos
    www.saidaminhalente.com

    ResponderEliminar