[Planeta]Opinião "Um Acordo Muito Sedutor",de Maggie Robinson

Titulo: Um Acordo Muito Sedutor   
Autor: Maggie Robinson  


É tudo um jogo até que alguém se apaixona...
A herdeira Louisa Stratton está de regresso a casa em Rosemont de férias, e, a pedido da família, leva o marido, Maximillian Norwich, conhecedor de arte e amante astuto, o homem que lhes descreveu como deslumbrante. Só que há um problema: ele não existe. Louisa precisa de um falso marido para causar uma boa impressão.


Mais uma estreia no mercado literário português e, apesar de não entrar para o meu top tenho de dizer que gostei bastante do livro.
A autora, que possui já um considerável numero de livros no seu currículo, demonstra ter um elevado sentido de humor pela forma como a historia se vai desenvolvendo. Acredito mesmo que apenas não posso dar cinco estrelas a este livro devido apenas à tradução literal de algumas partes que acabou por estragar um pouco a leitura. Apesar disso foi um livro que se leu relativamente bem e com o qual dei bastantes gargalhadas.
Quanto aos personagens posso dizer que Louisa Stratton apresenta-se como uma jovem senhora muito avançada para o seu tempo. Apesar disso posso dizer que me esqueci que o livro se passava no inicio do século XX devido ao ambiente que se encontra descrito em sua casa, em Inglaterra, que mais aparenta saído da Regência. Tirando isso posso dizer-vos que o livro se lê muito bem e que é uma boa escolha para uma tarde de leitura bem passada.
Claro que não posso terminar esta opinião sem falar de Maximillian Norwich e do homem que o interpreta, Charles Cooper. Abençoado homem e a sua paciência! Há personagens que merecem ganhar um prémio pelo papel que desempenham num livro e este é o caso. O prémio de Personagem Paciente do Ano seria ganho por ele com certeza, pois Louisa é capaz de tirar paciência a um santo.
No meio de tanta trapalhada podemos encontrar um romance fantástico, cheio daqueles ingredientes que tanto gostamos neste género de livros. Fico à espera de ler o próximo...
Agradeço à Planeta por apostar em autores ainda desconhecidos no nosso país, pois ainda há muito para descobrir...sejam autores ou géneros literários

[Editorial Presença]Novidade "És Tudo O Que Eu Quero",de Giovanna Fletcher

Autor: Giovanna Fletcher
Título Original: You’re the One That I Want
Tradução: Isabel Andrade
Páginas: 336
Coleção: Grandes Narrativas Nº 612
PVP: 16,90€
Data de Publicação: 15 Julho 2015


Desde a infância, Maddy, Ben e Robert são amigos inseparáveis e acreditavam que nada poderia quebrar os laços da amizade. Contudo, o amor tudo muda… Ben, o amigo tímido e leal, sempre escondeu de Maddy o amor que por ela sentia. Mas, e se Ben lhe tivesse confessado que a amava? Será que Maddy manteria a sua decisão de se casar com Robert? Está nas suas mãos a felicidade dos seus dois amigos e a sua própria felicidade…


Giovanna Fletcher é atriz e jornalista freelancer. Vive em Londres com o marido, Tom Fletcher, vocalista da banda McFly. Os direitos de És Tudo o Que Eu Quero estão vendidos para diversos países.


«Terna e romântica, esta leitura encantadora irá certamente iluminar o seu dia.»
Closer

«Um romance delicioso e comovente, com um enredo fabuloso e imprevisível que vai mantê-lo acordado toda a noite!»
Jill Mansell

«Charme imenso e ternura genuína.»
Star Magazine

«És Tudo o Que Eu Quero é um romance magnífico, delicado, divertido e sensível com personagens maravilhosas pelas quais se vai apaixonar.»
Miranda Dickinson


[Quinta Essência]Opinião "Para Além da Meia Noite",de Lara Adrian

Titulo: Para Além da Meia-noite
Autor: Lara Adrian


Aos dezoito anos, Corinne Bishop era uma jovem bela e cheia de vida, com uma existência privilegiada como filha adotiva de uma família com dinheiro. O seu mundo mudou no instante em que foi raptada e mantida prisioneira pelo malévolo vampiro Dragos. Despois de muitos anos de cativeiro e tormento, Corinne é salva pela Ordem, um grupo de guerreiros vampiros envolvidos numa guerra contra Dragos e os seus seguidores. Para além de a terem despojado da sua inocência, Corinne perdeu também parte do seu coração… a única coisa que lhe dava esperança durante o seu calvário e a única que lhe interessa agora que é livre.
O guerreiro Hunter é incumbido de proteger Corinne durante o seu regresso a casa. Um dos assassinos mais letais de Dragos, Hunter trabalha agora para a Ordem, e está empenhado em fazer com que Dragos pague pelos seus muitos pecados. Ligado a Corinne pelo seu mútuo desejo, Hunter terá de decidir até onde está disposto a chegar para acabar com o reinado de maldade de Dragos… mesmo que concluir a sua missão signifique despedaçar o terno coração de Corinne.


O que dizer deste livro? É simplesmente genial.
Se antes já adorava esta série, neste momento posso dizer que estou simplesmente viciada e com uma vontade enorme de ler o próximo livro. Lara Adrian tem-nos acostumado às suas historias fantásticas, cheias de acção, humor e romance, mas desta vez superou-se... Depois do que li, acredito que este livro representa um ponto de mudança na serie. Foram muitos os acontecimentos marcantes num só livro e por isso estou ansiosa por saber como se vai desenrolar o próximo e como a autora conseguiu avançar com a historia.
Quanto aos protagonistas, Hunter sempre me manteve curiosa acerca da sua natureza. O misterioso homem, que antes seria Dragos, deixou-me sempre desconfiada sobre as suas intenções e foi com muita alegria que pude verificar que afinal estava enganada. Apesar do seu aspecto duro, ele tem um enorme coração e ao longo do livro mostrou isso mesmo. Mesmo sem saber o seu destino esteve ligado ao de Corinne desde o inicio.
Corinne, que no inicio me pareceu uma personagem fraca e até um pouco apagada, foi desabrochando aos poucos, tal como uma rosa... Sempre pensado no filho que tinha perdido para o exercito de Dragos e agarrando-se à esperança de o encontrar, foi percorrendo caminhos perigosos e aos poucos, foi-se apaixonando por Hunter, que no final se tornou o único homem que lhe mostrou o que era o amor e o carinho que só aqueles que amam intensamente têm o poder de demonstrar.
O livro terminou de uma forma excepcional, que apenas nos faz ansiar pelo momento do lançamento do próximo. Nada mais posso adiantar, para não vos dar spoilers do que acontece, por isso a única coisa que vos posso dizer é que termina de uma forma completamente inesperada e desesperante para aqueles que adoram todos os membros da Ordem. Ainda nem acredito naquilo que aconteceu e espero realmente que a Quinta Essência não demore a publicar o próximo livro, que irá contar a historia de Sterling Chase...o nosso querido Harvard!
Obrigada Quinta Essência, por nos trazeres livros fantásticos. Ficaremos à espera do próximo!

[Asa]Opinião "Ligeiramente Tentador", de Mary Balogh

Titulo: Ligeiramente Tentador
Autor: Mary Balogh


Vingança. É essa a palavra que paira na mente de Gervase Ashford, conde de Rosthorn, ao conhecer a bela Lady Morgan Bedwyn. Em circunstâncias normais, o jovem aristocrata não lhe teria dispensado mais do que um breve olhar de apreciação. Mas esta é uma situação em tudo excecional pois Morgan é irmã do seu pior inimigo. Na cabeça de Gervase começa a delinear-se um plano ligeiramente tentador…
Liberdade. À boa maneira da família Bedwyn, é esse o desejo de Lady Morgan. Há muito que a jovem acalenta o sonho de casar por amor, e está tudo menos disposta a ser um peão no jogo do conde. Mais, ela está decidida a mostrar-lhe que se meteu com a pessoa errada. Mas quando dá por si perdida em plena batalha de Waterloo, é em Gervase que encontra o tão desejado ombro amigo.
Para o conde, a situação revela-se perfeita. Entre ele e a realização do seu plano, existe apenas um obstáculo: a voluntariosa, obstinada e irresistível Morgan Bedwyn.


Mais um livro da serie e mais uma vez fiquei fascinada com as historias que a autora nos vem contando. Mary Balogh é, sem duvida, uma das autores que chegou ao nosso país e nos deixou os leitores completamente fascinados. A autora vem trazendo historias divertidas e românticas, historias que nos prendem desde a primeira página e que no final nos deixam a ansiar por mais. A serie Bedwyn tem sido uma agradável surpresa. Posso dizer-vos que desde o primeiro livro que me mantive fiel ao desenrolar da serie e que não tenho ficado desiludida com as historias que me têm sido apresentadas.
Desta vez conhecemos a historia de Lady Morgan e, se antes ela apresentava ser uma personagem diferente dos seus irmãos (na minha opinião), neste livro mostrou que era uma Bedwyn e que de que material era feita. Uma das minhas partes favoritas foi quando a protagonistas abandonou a casa onde estava a salvo para ajudar os mais necessitados, esta era uma senhora com uma mentalidade muito avançada por o tempo em que vivia.
Outro aspecto que devo focar é o romance entre os dois protagonistas. O amor entre Morgan e Gervase foi crescendo aos poucos, foi um amor que aconteceu e que me prendeu ao livro de uma forma fascinante. Nada me prende tanto como um romance bem construído e este foi um romance que para além de ir aparecendo muito aos poucos, acabou por se mostrar difícil de concretizar devido ao carácter teimoso de Morgan, que até ao ultimo momento foi negando os seus sentimentos mais profundos.
Depois deste livro apenas posso esperar pelo momento da publicação do próximo livro. Espero que a editora não demore muito, pois acredito que cada pessoa que leia este livro irá ficar com esse mesmo sentimento. 

[Porto Editora]Novidade "A Diretiva",de Matthew Quirk

Título: A Diretiva
Autor: Matthew Quirk
Tradução: José Vieira de Lima
Págs.: 336
PVP: 16,60 €

A Porto Editora publica, a 16 de julho, A Diretiva, um romance hipnotizante de Matthew Quirk que transporta o leitor para os meandros da corrupção de Wall Street e que, de acordo com a Kirkus Reviews, «tem ação suficiente para três livros».
Nesta trepidante sequela de Os 500, publicado no ano passado pela Porto Editora e considerado por Jeff Abbott «uma obra fascinante, de leitura voraz, na mesma linha de A Firma, de John Grisham», Matthew Quirk confirma-se como uma das vozes mais originais do thriller político. Aqui, o protagonista Mike Ford é obrigado a escolher entre uma vida honesta e a vida do irmão. Para o salvar, terá de fazer o golpe de uma vida: roubar a diretiva do Banco da Reserva Federal de Nova Iorque, que controla os mercados de todo o mundo.


Mike Ford alcançou o sonho americano. Depois de ter finalmente entrado nos eixos, a vida sorri-lhe. Tem uma noiva fantástica, uma casa soberba e o seu próprio negócio. Mais importante, conseguiu-o de uma forma honesta. Porém, enquanto decorrem os preparativos do casamento, não pode deixar de sentir uma certa nostalgia pela vida emocionante que está prestes a deixar para trás. É então que o irmão Jack volta a entrar em cena.
Enredado numa poderosa teia conspirativa para roubar segredos no valor de biliões de dólares da mesa de negociações do Banco da Reserva Federal de Nova Iorque – e obrigado a escolher entre uma vida honesta e a vida do irmão –, Mike Ford mergulha no passado criminoso e alia-se a velhos contactos, num perigoso jogo de corrupção e poder contra os tubarões de Wall Street. A parada é elevada, os riscos ainda maiores. E a recompensa?


Matthew Quirk estudou História e Literatura na Universidade de Harvard. Após a licenciatura, trabalhou durante cinco anos na conceituada revista The Atlantic, onde fez reportagem criminal e escreveu artigos sobre a indústria militar privada, o tráfico de ópio, terrorismo e gangues internacionais. É autor de Os 500, já publicado pela Porto Editora, que foi nomeado para o Edgar Award e agraciado com o International Thriller Writers’ and Strand Critics Award, para melhor romance.
Visite o site do autor em www.matthewquirk.com


Com um enredo cativante […], este livro lê-se de um fôlego e atrairá não só os fãs do género, mas todos os que procurem uma leitura envolvente e divertida.
Library Journal

Uma verdadeira montanha-russa […] A escrita de Quirk é de tal forma acutilante que só poderia vir da pena de um jornalista, um detetive ou um espião.
Forbes

Uma fantástica sequela para um livro soberbo.
The Cleveland Plain Dealer

Quirk tem nas mãos mais um bestseller.

Booklist

[TopSeller]Opinião "Amor Cruel",de Colleen Hoover

Titulo: Amor Cruel
Autor: Colleen Hoover


Tate é enfermeira e muda-se para São Francisco, para casa do irmão Corbin, para estudar e trabalhar. Miles é piloto-aviador e mora no mesmo prédio de Corbin. Depois de se conhecerem de forma atribulada, Tate e Miles acabam por se aproximar e dar início a uma relação exclusivamente física. Para que esta relação exista, Miles impõe a Tate duas regras:
«Não faças perguntas sobre o meu passado. Não esperes um futuro.»
Tate aceita o desafio de manter uma relação distante, sem nenhum compromisso, nem sequer o da amizade. A relação alimenta-se assim da atração mútua entre os dois.
Miles nunca fala de si nem do seu passado, e comporta-se perante Tate de acordo com as regras que ele definiu. Será Miles capaz de desvendar o que se esconde por detrás desta necessidade tão grande de se distanciar emocionalmente dos outros?
E poderá algo tão cruel transformar-se numa relação bonita e duradoura?


Desde que os primeiros livros da autora sairam em Portugal que me mantive atenta ao mercado, para não perder a oportunidade de ler mais um livro, por isso foi com muita alegria que recebi a noticia que a TopSeller iria publicar mais um livro de Colleen Hoover.
Amor Cruel é então uma historia fantástica, que nos faz apaixonar pelo enredo desde o inicio. Tate e Miles apresentam uma química incrível desde o primeiro momento e mesmo assim a autora conseguiu com que esses sentimentos não parecessem forçados. É verdade que a historia não trás muito de novo dentro deste género literário, mas a forma como é contada é simplesmente genial e faz com que o leitor fique preso ao livro e só consiga largar no final de o ler na totalidade. Uma das melhores cenas entre os dois? Quando se conhecem...só posso dizer que me ri tanto que toda a gente que estava ao meu lado ficou a olhar-me de uma forma esquisita...e não, não vou contar pois não gostou de estragar a boa surpresa que com certeza irão ter no momento em que lerem o livro.
Gostei também do irmão mais velho de Tate, Corbin é uma personagem secundária que cumpre bastante bem o seu papel, mas o ponto alto da sua prestação foi, para mim, quando finalmente aceitou a relação entre a sua irmã e o seu melhor amigo. Ele apresenta ser um irmão muito protector, mas também um amigo justo.
Agora o que posso dizer mais da historia? Ao longo da historia vamos conhecendo o passado de Miles. Um passado marcado pela dor e tristeza de uma homem que tinha tudo para ser feliz e que tudo lhe foi roubado num instante infeliz. Amor Cruel conta então a historia de um homem marcado pelo passado e que não deixa que ninguém se aproxime demasiado. É uma historia viciante e que nos deixa com vontade de continuar a ler mesmo quando já terminamos.
Para quem não sabe, este livro está a ser adaptado para o cinema e vai estrear já no próximo ano. Estou ansiosa pelo filme... (mais a baixo podem ver o video do trailer e acreditem que irão ficar com agua na boca :D )
Parabéns à TopSeller, pelo trabalho fantástico e por publicarem livros de autores tão bons. Continuem com o bom trabalho e mantenham os vossos leitores sempre felizes. Obrigada por tudo!



[Elsinore]Novidade "Na Presença de Um Palhaço",de Andrés Barba

Andrés Barba, eleito pela revista Granta como um dos melhores ficcionistas de língua espanhola da sua geração, volta a ser publicado em Portugal com Na Presença de Um Palhaço (Elsinore l 192 pp l 15,49€). No seu mais recente romance, Barba reforça o seu «mundo de intenções perfeitamente fechado e uma mestria rara na sua idade», que surpreendeu Mario Vargas Llosa.


O cientista Marcos Trelles prepara-se para publicar um artigo numa importante revista da especialidade, mas terá de anexar uma curta biografia de trezentas palavras. Nas duas semanas de que dispõe para a escrever, viaja com a esposa até à casa da sogra, falecida um ano antes, para resolver de vez o problema da herança.
Na mesma altura, regressa a Espanha Abel, o cunhado, que pretende vender a casa da mãe e desfazer-se da última coisa que o liga ao país onde nasceu. Célebre comediante já reformado, foi ele quem, anos antes, empreendeu uma campanha política que elegesse um manequim para o Congresso, como forma de desmascarar o teatro político que nos subjuga.
Quem sou eu? Esta interrogação desafia Marcos a encontrar, no caos do nosso quotidiano de austeridade e desemprego, uma possibilidade de ordem dentro de sim, mas igualmente dentro de um país despedaçado. Neste romance,  a prosa limpa de Andrés Barba esconde a navalha com que se escalpeliza o espetáculo da política.
Na Presença de Um Palhaço junta-se assim aos títulos Elsinore na procura de títulos de excelência e de autores que é urgente descobrir. Ao longo de 2015, a 20|20 Editora continuará a apresentar a sua nova chancela com o lançamento de mais títulos, cada um deles sem fronteiras de género, região ou época.


Nascido em Madrid em 1975, foi professor de Espanhol para estrangeiros na Universidade Complutense de Madrid e é hoje formador de escrita criativa. É reconhecido como tradutor, tendo trabalhado autores como Joseph Conrad, Henry James e F. Scott Fitzgerald, além do romance Moby Dick, de Herman Melville.
Estreou-se na ficção com o aclamado romance La hermana de Katia, finalista do Prémio Herralde de Romance e adaptado ao cinema por Mijke de Jong. Seguiram-se, entre outros, Ahora tocad música de baile, Versiones de Teresa (Prémio Torrente Ballester), a recolha de novelas La recta intención, o ensaio La ceremonia del porno (em coautoria com Javier Montes, Prémio Anagrama de Ensaio), Muerte de un caballo (Prémio Juan March) e As Mãos Pequenas, editado em Portugal pela Minotauro.
Foi eleito pela revista Granta um dos melhores ficcionistas de língua espanhola da sua geração.


[Porto Editora]Novidade "Perigo Irresistível",de Becca Fitzpatrick

Título: Perigo Irresistível
Autor:
Becca Fitzpatrick
Tradução: Irene Ramalho
Págs.: 336
Capa: mole
PVP: 15,50

Depois da saga hush, hush, Porto Editora publica o novo sucesso da jovem autora norte-americana
Esta quinta-feira, 9 de julho, chega às livrarias portuguesas o novo sucesso de Becca Fitzpatrick, a jovem autora da saga hush, hush, que tantos leitores conquistou em Portugal e em mais 30 países. Perigo Irresistível é o título deste romance cheio de aventura, sedução e mistério.
Depois de uma tetralogia dedicada a anjos caídos, Becca Fitzpatrick volta a escrever pensando em jovens adultos. Perigo Irresistível inclui todos os condimentos que fizeram de hush, hush, crescendo, silêncio e finale um enorme sucesso internacional.


Britt Pheiffer sonha há mais de um ano com umas férias repletas de aventura. Treinou vários percursos pelas Montanhas Rochosas, comprou equipamento especial e até se sente confiante para levar consigo a melhor amiga, mais adepta de centros comerciais do que do ar puro das montanhas. Poucas horas após o início da viagem, um nevão inesperado obriga-as a refugiarem-se numa cabana abandonada, aceitando a hospitalidade dos seus dois estranhos ocupantes: dois homens jovens, atraentes e… em fuga.
Feita refém, Britt é obrigada a guiá-los pela montanha e espera conseguir aguentar-se tempo suficiente até Calvin – o ex-namorado que ainda não conseguiu esquecer – poder encontrá-la.
Nada é o que parece nesta aventura nas paisagens inóspitas do Wyoming. Mason, um dos raptores, é estranhamente simpático para Britt. Já Shaun é claramente um homem perigoso.
Mas será Britt capaz de resistir à estranha e perigosa atração que Mason parece exercer sobre ela e, por fim, sobreviver?


Becca Fitzpatrick (1981) é uma escritora norte-americana.
Depois de se ter licenciado em Saúde em 2001, exerceu a profissão de professora numa escola secundária em Provo, Utah. A sua vida muda de rumo em 2003, quando o marido lhe oferece a inscrição num curso de escrita criativa por ocasião do seu vigésimo quarto aniversário. A partir deste momento a fantasia e amor pelos contos tornar-se-á uma profissão a tempo inteiro, juntamente com o papel de mãe.

[Planeta]Novidades Julho 2015

Titulo: De Joelhos - A Vingança 1
Autor: Malenka Ramos
N. Páginas : 352
PVP: 18,85 € 
Disponível a partir de 8 de Julho


Dominic Romano é um advogado de prestígio, poderoso e seguro de si. Apesar de possuir tudo o que quer, nunca conseguiu esquecer Samara, a jovem que se ria dele na escola.  
Ela é a sua razão de viver, ama-a com a mesma intensidade que a odeia e não duvida um só momento de que ela tem de pagar por todo o sofrimento que lhe provocou.   Junto a ele, Samara conhecerá uma vida fora da realidade, onde o amor, a dor, o sexo e a paixão se transformam num torvelinho que a transportará para um mundo onde o correcto e o amoral se confundem.   Mas Dominic não está sozinho: a Herdade da Quimera converte-se num segundo lar para ele e para uma «família» muito pouco convencional.  
Ali não existem regras morais, nem limites, nem o medo do que as pessoas possam pensar. Nada está proibido no palácio do delírio e nada acontece sem uma razão…

Titulo: Doze Com Quatro
Autor: Sofia Empis
N. Páginas: 440 + 4 extratextos
PVP: 22,95 €
Disponível a partir de 8 de Julho


Sofia Empis, com um talento e um fôlego narrativo surpreendentes, pinta, nestes 39 contos, um fresco notável sobre o que será uma verdadeira Downton Abbey portuguesa - a Quinta do Bomjardim, situada nos arredores de Lisboa, casa-mãe dos «doze com quatro» e dos seus descendentes.  
São histórias divertidas, cómicas, dramáticas, irónicas, que atravessam a História e as décadas e nos dizem muito mais sobre a vida de uma grande família do que qualquer papparazzo alguma vez poderia aspirar. 
São poucas as autoras que abrem a porta da sua intimidade familiar aos leitores. Sofia Empis revela no seu primeiro livro um conjunto de Histórias baseadas em episódios vividos por uma das famílias mais tradicionais de Portugal.
Uma narradora com os dois pés firmes no presente e de olhos postos no futuro, mas com plena consciência de que uma herança familiar com o peso da história dos Empis é também uma responsabilidade que importa testemunhar.  Para a história dos quotidianos. Para a história que será sempre, afinal,  a matéria fundamental e última de todas as narrativas - na história de uma família cabem todos os romances.. 
O livro contém fotos e ilustrações da família.

Titulo: Vamos Pintar Juntos
N. Páginas: 96
PVP: 14,95€  
Nas livrarias a partir de 8 de Julho


Há espaço suficiente para colorirem ao mesmo tempo, quer lado a lado quer frente a frente.  
E há espaço em cada página para cada um assinar a sua obra-prima. 
Um livro de grande formato com argolas para facilitar a pintura conjunta entre pais  e filhos, irmãos, amigos e conhecidos. 
Liberte-se do stress com este livro para colorir, que promove o relaxamento,  a concentração e a criatividade.

[TopSeller]Novidade "Doidos por Cães", de Meg Donohue

Os animais de estimação podem partilhar a nossa vida durante anos. Contamos com o seu apoio incondicional, pois não criticam nem julgam. Ajudam a alivar o stress pois estão sempre prontos para a brincadeira. E sabe tão bem dar um carinho quando o dia não correu bem. É por estas, e outras tantas razões, que criamos laços profundos de companheirismo. Eles são âncoras com quem podemos sempre contar, até ao dia em que deixam de estar entre nós. Aí, sofremos, choramos, recuperamos e recordamos.

Cheio de surpresas profundamente comoventes e encantadoras, Doidos por Cães (Topseller l 256 pp l 16,59€), de Meg Donohue, conta uma história enternecedora e história enternecedora e divertida que capta os laços do amor, a dor da separação, e o poder que os cães têm de nos curar.


Como Conselheira do Processo de Luto por Animais de Estimação, Maggie Brennan recorre a uma combinação entre empatia, compreensão e humor para ajudar os seus pacientes que estão a lidar com a angústia de terem perdido um amigo de quatro patas. Apesar de possuir um dom para guiar os outros através de situações difíceis, a própria Maggie está, neste momento, a passar por um problema grave que pode ameaçar a sua prática de aconselhamento: ataques de pânico quando sai de casa, suscitados pela morte do seu próprio cão, Toby.
Tudo muda quando uma rapariga difícil e perturbada aparece no consultório de Maggie e acaba a pedir-lhe ajuda para encontrar o seu cão desaparecido. Percorrendo as ruas da cidade de São Francisco à procura do animal, Maggie dá por si envolvida num mistério que a força a enfrentar, finalmente, o seu maior medo — e a abrir o coração para um novo amor.


Meg Donohue é autora bestseller do USA Today dos livros How to Eat a Cupcake e All the Summer Girls. Tem um mestrado em Escrita Criativa pela Columbia University e uma licenciatura em Literatura Comparada pelo Dartmouth College. Nascida e criada em Filadélfia, vive atualmente em São Francisco com o marido, três filhas pequenas e um cão.
A Topseller orgulha-se em dar a conhecer esta maravilhosa autora aos leitores portugueses, com Doidos por Cães. Um livro que vai suscitar sorrisos, lágrimas, recordações e esperança a todos os amantes de animais de estimação.
Saiba mais sobre a autora em: www.megdonohue.com.


[Quetzal Editores]Novidade "Olhando o Sofrimento dos Outros",de Susan Sontag

Titulo: Olhando o Sofrimento dos Outros
Autor: Susan Sontag
Tradução: José Lima
N.º de páginas: 376
PVP: 14,40€
Data de lançamento: 3 de julho


Este foi o último livro de Susan Sontag a ser publicado antes da sua morte, em 2004. É considerado por muitos uma continuação ou uma adenda aos Ensaios Sobre Fotografia (também publicado pela Quetzal), apesar de os dois livros terem opiniões sobre fotografia radicalmente diferentes. Este longo ensaio dedica-se sobretudo à fotografia de guerra. Enquanto desmonta uma série de lugares-comuns no que concerne as imagens de dor, horror e atrocidade, Olhando o Sofrimento dos Outros se, por um lado, reafirma a importância das mesmas, por outro, mina a esperança de que estas consigam comunicar alguma coisa de substancial. Por um lado, a narrativa e o enquadramento conferem às imagens o grosso do seu significado; por outro, os que não passaram por essas experiências tremendas «não são capazes de compreender, não são capazes de imaginar» o que essas imagens representam.


Susan Sontag foi uma das mais importantes e influentes intelectuais norte-americanas da segunda metade do século XX. Foi professora, ativista na defesa dos direitos das mulheres e dos direitos humanos em geral, ficcionista e ensaísta frequentemente premiada e amplamente traduzida. A sua escrita foi presença assídua nas publicações The New Yorker, The New York Review of Books, The New York Times, The Times Literary Supplement, Art in America, Antaeus, Parnassus, The Nation e Granta, entre outras.
Susan Sontag teve um filho, David Rieff – editor dos seus diários inéditos, publicados pela Quetzal com o título Renascer –, e viveu os últimos anos da sua vida com a fotógrafa Annie Leibovitz. Susan Sontag nasceu em 1933, em Nova Iorque, cidade onde morreu, em 2004.

[TopSeller]Novidade "A Defesa",de Steve Cavanagh

Uma confusão nos horários das matrículas desviou, aos 18 anos, Steve Cavanagh do curso de Marketing e Gestão para as aulas de Direito. Inscrever-se no curso errado mudou, provavelmente, o destino do autor irlandês. Proeminente advogado de direito civil, Steve Cavanagh é hoje considerado a nova estrela do thriller jurídico, logrando excelentes críticas com o seu livro de estreia A Defesa (Topseller l 336 pp l 18,79€), já à venda em todo o país.


De vigarista a advogado. De bêbedo e mentiroso a pai de família. Quereria este homem ao seu lado para o defender em tribunal?
Há mais de um ano que Eddie Flynn prometeu a si mesmo não voltar a entrar numa sala de audiências. Mas agora não tem alternativa. Olek Volchek, o chefe da máfia russa nova-iorquina, quer obrigar Eddie a representá-lo num julgamento por homicídio impossível de vencer.

Eddie Flynn tem 31 horas para…
• defender o seu novo cliente da acusação de homicídio;
• resgatar a filha, Amy, de dez anos, raptada pelos criminosos;
• salvar a própria vida, ameaçada pela bomba que traz presa ao casaco.

Sob o olhar atento dos media e do FBI, Eddie tem de usar a sua inteligência e todos os truques do passado para defender o seu cliente e garantir a segurança da filha. Com o temporizador da bomba a contar, conseguirá Eddie convencer o júri e salvar a sua vida e a de Amy? 



Steve Cavanagh nasceu e cresceu em Belfast, na Irlanda do Norte, e aos 18 anos mudou-se para Dublin onde estudou Direito, por engano. A sua decisão era seguir Marketing e Gestão mas uma confusão nos horários das matrículas fê-lo inscrever-se no curso errado.
Porém, este poderá ter sido um engano com sentido, já que Steve Cavanagh se tornou um proeminente advogado de direito civil, envolvido em casos de especial relevância. Steve também dá palestras sobre temas legais, mas do que ele gosta mesmo é de contar piadas. A Defesa é o seu romance de estreia, que lhe valeu ser considerado uma Amazon Rising Star em 2015. Saiba mais sobre o autor: www.stevecavanagh.com


«Em parte drama judicial ao estilo de John Grisham, em parte filme de super-herói, este é um romance de estreia cheio de ação.»
Irish Independent

«Lê-se como um drama judicial que Lee Child poderia ter escrito… Este é um thriller de ritmo alucinante que arranca a toda a velocidade e não olha para trás até à travagem final, 336 páginas mais à frente.»
Irish Times