[Asa]Opinião "Ligeiramente Escandalosa",de Mary Balogh

Titulo: Ligeiramente Escandalosa
Autor: Mary Balogh


Crescer no seio da família Bedwyn não é tarefa fácil; que o diga a jovem Freyja Bedwyn. Tendo passado a infância rodeada por quatro rapazes, habituou-se desde cedo a igualá-los em ousadia e independência. Mas o atrevimento - tolerável numa menina - é considerado inaceitável numa mulher. Quando, a meio de uma viagem a Bath, o quarto em que Freyja está hospedada é invadido por um atraente fugitivo, a jovem não tem meias- medidas e esmurra-o. Ele é Joshua Moore, o petulante marquês de Hallmere. Nessa noite mal adivinham que, dias depois, estarão... noivos. Para duas pessoas que anseiam por liberdade e parecem detestar-se, esta reviravolta é, no mínimo, inexplicável. Entre o choque e a admiração, a alta sociedade não se cansa de especular sobre a origem de uma relação tão enigmática, excessiva, e ligeiramente escandalosa...


Este foi um dos livros mais esperados nesta serie, não apenas por já conhecer a protagonista feminina de livros anteriores, mas também por saber aquilo que ela tinha sofrido até então.
Freyja sempre foi a minha irmã Bedwyn favorita. Dotada de uma personalidade forte, mas com um coração enorme, esta personagem irreverente vai mostrando ao longo do livro o seu lado mais doce, ao mesmo tempo que também nos vai conseguindo arrancar umas boas gargalhadas. Este livro é assim mesmo, cheio de romance, um pouco de acção, mas também de muito, muito humor. Joshua também grande culpa dos momentos humorísticos do livro, este personagem foi criado especialmente para ser o par de Freyja e não me deixou nada desiludida. Desde o inicio que me apercebi no quanto eles eram perfeitos um para o outro e fiquei bastante satisfeita pela autora não me decepcionar. Quantas e quantas vezes encontramos personagens perfeitos, mas que ao longo da trama se vão transformando em algo que não gostamos? Infelizmente acontece, mas não com Mary Balogh… Em todos os livros que li, Balogh nunca me desiludiu e por isso continuo a apostar nas suas histórias, que sempre me fazem passar horas incríveis de leitura.
Gostei de rever os irmãos Bedwyn, mas gostei ainda mais de rever Kit e a mulher! Fiquei muito feliz de saber como estava o casamento deles e principalmente de estar “presente” no baptizado do seu filho. Foi sem dúvida um momento difícil para Freyja, mas com a ajuda de Joshua foi ultrapassado e a partir daí a relação deles foi-se tornando cada vez mais próxima. Só posso dizer que fico ansiosa pela chegada do próximo volume desta serie. Agradeço à LeYa por continuar a apostar neste tipo de livros e espero que o continuem a fazer…  Esta é uma serie a não perder!

0 comentários:

Enviar um comentário