[Quinta Essência]Opinião "Um Amor na Cornualha",de Liz Fenwick

Titulo: Um Amor na Cornualha
Autor: Liz Fenwick



Fugir no dia do próprio casamento nunca parece bem.
Quando a pressão do futuro casamento se torna demasiada, Jude foge da igreja, deixando um bom homem no altar, a sua mãe furiosa e os convidados com mexericos suficiente para durar um ano. Culpada e envergonhada, Jude foge para Pengarrock, uma mansão em ruínas na Cornualha, no cimo de uma falésia, onde aceita um emprego a catalogar a extensa biblioteca da família Trevillion. A casa é um refúgio bem-vindo para Jude, cheia de história e segredos, mas quando seu novo proprietário chega, torna-se claro que Pengarrock não é amada por todos. Quando Jude sucumbe ao feitiço da casa, descobre um enigma familiar decorrente de uma terrível tragédia que teve lugar séculos antes: ao que parece, há algures um tesouro perdido. E quando Pengarrock é posta à venda, parece que o tempo está a esgotar-se para a casa e para Jude…


Este foi o meu livro de estreia da autora e posso dizer-vos, de uma forma muito segura, que irei manter-me fiel a ela. Liz Fenwick já tinha lançado um livro no nosso país e desde a publicação de “A Casa dos Sonhos” que estava muito curiosa acerca dos livros da autora. Não sei bem explicar, mas mesmo sem ter lido o livro, havia algo na sua sinopse que me fazia desejar ler algo da autora. Felizmente decidi-me a fazê-lo quando saiu este novo livro e não estou nada arrependida.
De uma forma muito subtil, a autora inicia a sua história de forma a deixar-nos logo presos na leitura e a faz-nos viajar pelas paisagens lindíssimas da Cornualha. Confesso que ao ler este livro fiquei com vontade de conhecer a zona descrita pela autora! Alguns livros têm esse efeito em mim, transporta-me para dentro da história e faz-me sentir como se estivesse dentro da acção. Fui um pouco surpreendida por este livro, porque esperava uma história cheia de flashbacks, muito ao género de Susanna Kearsley, mas tal não aconteceu. Apenas há aquela impressão de haver algo mais naquela mansão, uma estranha “aura” que paira naquele sitio e que nos faz questionar acerca do mistério que envolve aquela família. Para além da história, os protagonistas também foram criados com bastante cuidado (pelo menos foi o que senti), com personalidades fortes que os tornavam perfeitos um para o outro. É claro que isso é propositado, creio que nunca li um romance em que os protagonistas não fossem perfeitos, mas isso é, na minha opinião, o que torna estes livros perfeitos, um escape para a nossa vida.
Espero sinceramente ter a oportunidade de ler o livro anterior da autora, que acredito que seja tão fantástico como este. Obrigada Quinta Essência, por trazeres estes livros até nós, por nos darem a oportunidade de sonhar e descomprimir depois de um dia difícil de trabalho.

6 comentários:

  1. Depois de ler a tua opinião, fiquei com vontade de ler essa história! A capa também é muito atrativa...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que bom, Maria! O livro é sem duvida fantástico, eu gostei muito dele.
      Boa leitura :)

      Eliminar
  2. Olá :)

    Tal como tu, até agora :), não li nada da autora e confesso que há muitos autores que ainda desconheço. E esta, é uma das grandes vantagens da blogosfera, conhecermos autores e livros que se calhar de outra maneira não conheceríamos. Para colocar a cereja no topo do bolo, ler uma opinião na blogosfera torna-se ainda melhor quando gostamos do que lemos e ficamos com curiosidade e até vontade de um dia ler o livro. É o caso desta opinião :).
    Boas viagens,

    Rosana
    http://bloguinhasparadise.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo, Rosana! As opiniões nos blogues tornam-se importantes para conhecer-mos um pouco dos livros que gostaríamos de comprar. Assim não somos tão surpreendidas por uma má compra...Este tipo de opinião ajuda a escolher, de uma forma mais acertada, os livros que iremos comprar.
      Obrigada pelo comentário. Boas leituras^^

      Eliminar