[Casa das Letras]Opinião "Na Sombra do Perigo",de J.R. Ward

Titulo: Na Sombra do Perigo
Autor: J.R. Ward



Payne, irmã gémea de Vishous, em muito se assemelha ao irmão. Lutadora por natureza e rebelde no que diz respeito ao papel tradicional das fêmeas Escolhidas, o Outro Lado não é lugar para ela... e a frente de batalha da guerra também não. Quando fica paralisada na sequência de uma lesão em combate, um cirurgião humano, o doutor Manuel Manello, é chamado para a curar de um modo que só ele é capaz - e em breve se vê arrastado para o mundo secreto e perigoso da fêmea. Embora nunca tivesse acreditado que a noite encerra coisas estranhas - como vampiros - dá consigo mais do que pronto a deixar-se seduzir por aquela fêmea poderosa que o marca de corpo e alma. O mundo humano e vampiro chocam à medida que os dois amantes se veem ligados por muito mais do que uma simples atração erótica... e Payne é surpreendida por uma vingança com séculos que coloca em risco a sua vida e o seu amor.



Esta série já vai longa, mas nem por isso a qualidade diminuiu. J.R. Ward tem conseguido manter a história sem grandes erros temporais e com enredos que nos prendem de uma forma surpreendente. A verdade é que este era, para mim, um dos livros mais desejados e o qual não me deixou nada desapontada.
Depois de termos descoberto que Vishous tinha uma irmã gémea, o mistério aumentou. Quem seria esta mulher? Que papel iria ter ela na história? Qual seria o homem escolhido para ser seu par? Estas e muitas outras perguntas foram feitas e o resultado acabou por ser ainda mais fabuloso que o esperado.
Não há dúvida que os pequenos detalhes da trama embelezaram todo o conteúdo e temos como exemplo a continuação do romance entre Qhuinn e Blay, que mais uma vez despertam a atenção do leitor, mas que ainda não tem uma resolução para o seu dilema. O amor entre os dois parece-me cada vez mais fortalecido, mas devido ao orgulho e até alguma teimosia, parece difícil de ser finalmente concretizado. Em relação aos protagonistas deste livro, a forma como a autora apresentou Payne neste livro foi deveras apropriada. Fazendo justiça à sua linhagem, ela apresenta-se como uma lutadora, nunca desistindo daqueles que ama e até sacrificando-se a si própria e aos seus sentimentos. Perdi a conta das vezes que me senti um pouco furiosa com a personagem pelas suas decisões, mas apenas por conhecer a força e resolução de Manello em ficar com ela. No seu lugar, e não conhecendo o que pensava a outra parte, penso que faria as mesmas escolhas que ela fez. O protagonista masculino foi sempre muito especial para mim, desde a primeira vez que foi inserido na serie havia algo nele que me chamava a atenção. Talvez um pouco como Butch, algo na forma como era descrito ou até mesmo inserido em determinadas cenas, mostrava que ele ainda tinha muito para dar à trama. Mais uma vez não me enganei. Manello mostra, neste livro, aquilo que realmente é capaz e tem finalmente o seu final feliz com uma mulher muito especial e que parece ser feita à sua medida. No seu todo, esta é uma relação bombástica e que no final nos deixa com uma enorme sensação de surpresa e com aquela frase “Como é que eu não previ isto?” na mente.
O que este livro tem também de especial é a introdução de personagens da serie “Anjos Caídos” da mesma autora. Ward, que sempre se mostrou ousada com os seus enredos, quebrou todas as regras ao misturar as duas series e iniciar neste livro a acção que irá desencadear os acontecimentos no terceiro livro da serie mencionada. O título desse livro é “Inveja” e é mais um sucesso lançado pela autora.
Agora resta esperar pelo próximo livro, que contará a história de Tohrment! Um livro que acredito será cheio de emoções fortes e que não irá desiludir os fans da Irmandade da Adaga Negra.

[Oficina do Livro]Novidade "Um Atalho no Tempo",de Madeleine L’Engle

Titulo: Um Atalho no Tempo
Autor: Madeleine L’Engle
N. Páginas: 240
PVP: €12,90


Quando a história começa, as personagens principais, Meg Merry e o seu irmão mais novo, Charles Wallace, vivem com a mãe e os irmãos, Sandy e Dennys. Meg tem dificuldade em adaptar-se à escola e sente a falta do pai, um cientista, que desapareceu há mais de um ano enquanto efetuava uma experiência que envolvia viajar no tempo. Um ser estranho de outro mundo visita o lar dos Murry e fornece uma pista importante sobre o paradeiro do Sr. Murry. Meg, Charles Wallace e o amigo Calvin O’Keefe começam então uma viagem perigosa no tempo e no espaço para salvarem o Sr. Murry. São assistidos pelas estranhas visitas dos Murry, a Sra. Quéisso, a Sra. Quem e a Sra. Qual. As crianças veem-se em breve no centro de uma luta entre o bem e o mal, que ameaça destruir a liberdade e a individualidade. Pelo caminho, desenvolvem força, coragem e capacidades que não sabiam ter. Para Meg, em especial, a viagem é mais do que uma aventura ou uma missão para ajudar os outros: é também uma viagem de autodescoberta que muda as suas ideias sobre si própria e as pessoas que a rodeiam.



Com muita sensibilidade e mestria, Madeleine L’Engle criou uma saga multidimensional, que ultrapassa todas as barreiras da realidade, numa aventura épica e mitológica. Ela nasceu em Nova Iorque e Um Atalho no Tempo, o primeiro da série Viajantes no Tempo, é o seu livro mais famoso, que recebeu o Newbery Award em 1963. Madeleine faleceu em 2007, no Connecticut, deixando mais de sessenta títulos para adultos e jovens, entre eles mais quatro volumes das aventuras dos irmãos Murry e seus amigos.

[1001 Mundos]Novidade "A Guerra Diurna",de Peter V. Brett

Titulo: A Guerra Diurna
Autor: Peter V. Brett
N. Páginas: 796
PVP: 22€



Na noite da Lua Nova, os demónios erguem-se em força, procurando as mortes dos dois homens com potencial para se tornarem o lendário Libertador, o homem que, segundo a profecia, reunirá o que resta da humanidade num esforço derradeiro para destruir os nuclitas de uma vez por todas. Arlen Fardos foi outrora um homem comum, mas tornou-se algo mais: o Homem Pintado, tatuado com guardas místicas tão poderosas que o colocam à altura de qualquer demónio. Arlen nega constantemente ser o Libertador, mas, quanto mais se esforça por se integrar com a gente comum, mais fervorosa se torna a crença destes. Muitos aceitariam segui- lo, mas o caminho de Arlen ameaça conduzir a um local sombrio a que apenas ele poderá deslocar-se e de onde poderá ser impossível regressar. A única esperança de manter Arlen no mundo dos homens ou de o acompanhar reside em Renna Curtidor, uma jovem corajosa que arrisca perder-se no poder da magia demoníaca. Ahmann Jardir transformou as tribos guerreiras do deserto de Krasia num exército destruidor de demónios e proclamou-se Shar'Dama Ka, o Libertador. Tem na sua posse armas ancestrais, uma lança e uma coroa, que consubstanciam a sua pretensão e vastas extensões das terras verdes se curvam já ao seu poderio. Mas Jardir não subiu ao poder sozinho. A sua ascensão foi programada pela sua Primeira Esposa, Inevera, uma sacerdotisa ardilosa e poderosa cuja formidável magia de ossos de demónio lhe permite vislumbrar o futuro. Os motivos de Inevera e o seu passado encontram-se envoltos em mistério e nem Jardir confia nela por completo.

[Quinta Essência]Novidades Setembro 2013

Titulo: Irresistível
Autor: Jessica Bird
N. Páginas: 344
PVP: 15.50€


A conservadora de arte Callie Burke não está contente com a sua lucrativa nova missão. Restaurar uma obra-prima adquirida pelo implacável magnata Jack Walker devia ter sido o projeto de uma vida. Mas o problema não é o quadro - é que o sensual proprietário é uma obra de arte perfeita de seu próprio direito. A atração é recíproca, mas Callie sabe que misturar negócios e prazer é má idéia - e não apenas porque ela não pertence àquele mundo de privilégios: ela tem um segredo a esconder... um segredo que deve permanecer enterrado. No entanto, depois de se mudar para a mansão de Jack para fazer o trabalho, a centelha inegável entre ambos transforma- se numa paixão que tudo consome... e o passado oculto dela ameaça destruir qualquer possível futuro para eles.  Ao dar nova vida ao quadro, Callie sabe que o seu tempo com Jack é limitado... a menos que o amor possa de alguma forma encontrar uma forma de transformar um solteirão inveterado no marido dos sonhos dela.


Titulo: Destinos Cruzados
Autor: Melissa Hill
N. Páginas: 416
PVP: 16.50€



Holly O`Neill tem uma loja de roupas vintage, um filho de dez anos que ama e uma fada madrinha misteriosa que, a cada momento crucial da sua vida, tem um berloque para adicionar à sua pulseira, que assim se torna o seu bem mais precioso. Um dia, quando encontra a pulseira de outra pessoa num dos casacos da sua loja, sente que tem de a reunir com o seu proprietário. Greg é um corretor da bolsa e tem uma namorada perfeita com quem quer casar, mas decidiu deixar Wall Street para prosseguir a sua verdadeira paixão: a fotografia. Holly e Greg não se conhecem e não têm nada em comum. Vai ser precisa a magia de Nova Iorque, um pouco de sorte e outra pulseira da felicidade para os fazer encontrar...

[Assírio & Alvim]Novidade "Casas Pardas",de Maria Velho da Costa

Título: Casas Pardas
Autor: Maria Velho da Costa
Prefácio: Manuel Gusmão
N.º de Páginas: 456
Formato: 14,5 x 20,5 cm
Acabamento: brochado
PVP: 19,90 €


A obra maior de Maria Velho da Costa
Assírio & Alvim publica Casas Pardas a 30 de agosto
Casas Pardas cartografa Lisboa no final dos anos sessenta, em plena agonia do regime salazarista: crise política e social, rumores das guerras coloniais e dos tumultos estudantis. O Portugal pardacento à espera do terramoto que virá em 1974, enquanto se escreve o caos afetivo em comunidade, por dentro das casas do amor e desamor de Elisa, Mary, Elvira e companhia. Mas Casas Pardas é acima de tudo a casa da língua portuguesa e dos seus vários linguajares, aqui em jubiloso processo de miscigenação com outras falas do mundo, através do grande virtuosismo da escrita de Maria Velho da Costa.
Deste romance fala-nos também Mário de Carvalho: «Casas Pardas é um maravilhoso torvelinho de linguagens, uma evocação concreta e exata de comportamentos sociais de várias classes no final do fascismo, uma revisitação dos lugares da literatura e da poesia (também nas suas vertentes populares), uma polifonia de falas genialmente captadas, uma subversão endiabrada dos processos narrativos e uma prática de jogos de linguagem que lembram o barroco, mas também os grandes efabuladores do século XVIII, como Fielding ou Sterne. A ironia e a réplica acerada pairam em todo o romance, repartido em várias "casas", pluralidade de focos que centram uma escrita em que passado e presente, a concretude do quotidiano mais trivial, mas também a citação literária de vários graus, ou mesmo a toada infantil, a reflexão às vezes iluminada, de envolto com o paradoxo e a paródia, nos desafiam página a página.»
Casas Pardas esteve recentemente em cena no Teatro Nacional de São João, no Porto, com adaptação e dramaturgia de Luísa Costa Gomes e encenação de Nuno Carinhas.




Prémio Camões 2002, Maria Velho da Costa (n. 1938) é licenciada em Filologia Germânica pela Universidade de Lisboa. Foi leitora do King's College em Londres, presidente da Associação Portuguesa de Escritores e adida cultural em Cabo Verde. Ficcionista, ensaísta e dramaturga é co-autora com Maria Isabel Barreno e Maria Teresa Horta de Novas Cartas Portuguesas. A sua escrita situa-se numa linha de experimentalismo linguístico que viria a renovar a literatura portuguesa nos anos 60 e, como afirmou Eduardo Lourenço, é «de um virtuosismo sem exemplo entre nós».

[Matéria Prima Edições]Novidade "Curar em Minutos",de Louise Fannon

Titulo: Curar em Minutos
Autor: Louise Fannon
N. Páginas: 208
PVP: 13,80€



PARA TER A VIDA QUE DESEJA, TEM DE DECIDIR CONQUISTÁ-LA.
Conheça o fenómeno de que todos falam. A autoterapia é um caso de sucesso sem precedentes nos Estados Unidos, com centenas de milhares de adeptos.
Sente dores físicas recorrentes?
Quer emagrecer mas não consegue controlar o apetite?
Vive em ansiedade e stresse?
Vive com medos e fobias que não consegue ultrapassar?
Não gosta da vida que tem mas não sabe como mudá-la?
Comece hoje a ter uma vida melhor. As respostas aos nossos problemas estão dentro de nós.
DESCUBRA O PODER DA AUTOTERAPIA
E SINTA OS PRIMEIROS RESULTADOS EM MINUTOS
Esta técnica, inspirada na medicina tradicional chinesa - a acupressão - e na psicologia moderna, actua sobre o sistema energético do nosso corpo. Todos a podem aplicar em si próprios. É simples, fácil de aprender e rápida de executar.


Louise Fannon psicoterapeuta portuguesa de origem britânica, é pós-graduada em Relação de Ajuda e Intervenção Terapêutica, pela Universidade Autónoma de Lisboa. Especializou-se em Psicoterapia centrada na Pessoa e em Ludoterapia centrada na Criança. Tem formação em Desenvolvimento Transpessoal, Consciência e Espiritualidade. Tem-se dedicado a ensinar as técnicas de libertação emocional (tapping ou EFT em inglês), a sua grande paixão. Aliás, Louise atribui à prática do tapping a mudança que operou na sua própria vida e que serve de inspiração para este livro.
Parte do seu tempo é ocupado pelos vários workshops que organiza e pelas investigação em torno deste tema. Curar em Minutos é o seu primeiro livro.

[Quinta Essência]Novidade "Êxtase",de J. R. Ward

Titulo: Êxtase
Autor: J. R. Ward
N. Páginas: 467  
PVP: 17,90€



Redenção não é uma palavra que Jim Heron conheça muito bem. A sua especialidade é a vingança e, para ele, o pecado é relativo. Mas tudo muda quando se torna um anjo caído e é incumbido da tarefa de salvar sete pessoas dos sete pecados mortais... e o fracasso não é permitido.
Mels Carmichael, jornalista do Caldwell Courier Journal, apanha o maior choque da sua vida quando um homem se atravessa à frente do seu carro junto ao cemitério local. Depois do acidente, a amnésia dele é o tipo de mistério que ela gosta de solucionar, mas em breve descobre que o passado é demasiado misterioso... e que está a apaixonar-se pelo estranho. Enquanto as sombras oscilam entre a realidade e o outro mundo, e a memória do seu amante começa a voltar, os dois aprendem que nada está realmente morto e enterrado. Em especial quando se está preso numa guerra entre anjos e demónios. Com a alma em jogo, e o coração de Mels em risco, o que irá ser preciso para salvar ambos?



J. R. WARD é a autora dos romances da Irmandade da Adaga Negra. Foi galardoada com o prestigiado Rita Award para para Melhor Romance Paranormal, tendo sido ainda nomeada várias vezes para os prémios da revista Romantic Rimes. Vive no Sul dos Estados Unidos com o seu marido incrivelmente generoso e o seu amado golden retriever. Depois de se ter formado em Direito, começou a sua vida profissional na área da saúde, em Boston, tendo passado muitos anos como chefe de equipa de um dos centros clínicos dessa cidade. Para mais informações, consulte www.jrward.com



«Como a maioria das histórias J.R. Ward, Êxtase não tem falta de drama, de paranormal, de comédia, de suspense, de ação e, acima de tudo, de sexo escaldante.»
www.darhkportal.com

 «J.R. Ward dá nova vida ao tema dos anjos e dos demónios, com o anjo a tentar resistir ao apelo dos sete pecados mortais e com o demónio oculto na pele de mulher linda e malévola.»
happyindulgence.wordpress.com

«Desenvolvimento dos personagens, cenários ricas e sombrios, enredos emocionantes - a série Anjos Caídos é outro trunfo de J.R. Ward., e Êxtase é uma digna nova adição.»
http://thesaucywenchesbookclub.blogspot.pt

[Babel]Reedição "Dentes de Rato",de Agustina Bessa-Luís

Titulo: Dentes de Rato
Autor: Agustina Bessa-Luís
Ilustrações: Mónica Baldaque
N. Páginas: 64
PVP: 12€
Data de lançamento: Setembro de 2013
  
Livro incluído no PNL / Ler +



É pela voz de Lourença que surgem as memórias familiares e as aventuras próprias da infância nesta quase-autobiografia de Agustina Bessa-Luís. Levemente ficcionados, os tempos de infância da autora ou da narradora (que se cruzam em cada linha) são aqui oferecidos ao leitor com ilustrações de Mónica Baldaque. Um livro que já se tornou um clássico da literatura infantil portuguesa.
Tinham-lhe posto o nome de «Dentes de Rato», porque os dentes dela eram pequenos e finos, e pela mania que ela tinha de morder a fruta que estava na fruteira e deixar lá os dentes marcados.



Agustina Bessa-Luís nasceu em Vila Meã, Amarante, a 15 de Outubro de 1922. Filha de um empresário de cinemas e casinos, cedo se deixou viciar pelo romance, iluminada roleta dos comportamentos humanos. Foi com o profético título «A Sibila» que publicou em 1954 que veio a ser reconhecida ao público em geral ao receber o Prémio Delfim Guimarães e o Prémio Eça de Queiroz. Vários dos seus romances foram adaptados ao cinema por Manoel de Oliveira. Foi, durante a sua vida, homenageada em múltiplos países e universidades, condecorada por Portugal e pela França e traduzida em várias línguas. Já foi distinguida por todos os prémios nacionais de literatura e vários internacionais. Recebeu o Prémio Camões em 2004. 


Mónica Baldaque nasceu no Douro, no lugar de Ariz, Peso da Régua. O Douro tem uma importância fundamental na sua actividade de pintora, patente em grande parte da sua obra, alguma publicada em livros e catálogos. Profissionalmente está ligada à museologia, sendo conservadora principal de museus. Tem exercido cargos de direcção, estando actualmente nos museus municipais do Porto. Pertence ao conselho directivo da Associação dos Amigos do Museu do Douro e ao conselho cultural da Fundação Eça de Queiroz. Realizou exposições individuais e participou em exposições colectivas. Integrou o grupo dos artistas convidados pelo Museu do Douro para criarem cinco rótulos para cinco produtores de vinho do Porto. Filha de Agustina Bessa-Luís.

[Sextante Editora]Novidade "Mystic River",de Dennis Lehane

Título: Mystic River
Autor: Dennis Lehane
Tradutor: Mário Dias Correia
Págs.: 456
PVP: € 17,70
Coleção: Sextante TOP


A grande obra de Dennis Lehane
Mystic River foi adaptado ao cinema por Clint Eastwood
Após Viver na noite, a Sextante Editora publica um dos grandes romances de Dennis Lehane, Mystic River. Este livro, que chega às livrarias no dia 30 de agosto, foi adaptado ao grande ecrã por Clint Eastwood, num filme muito bem recebido pelo público e pela crítica e protagonizado por Sean Penn, que com ele recebeu o Óscar para melhor ator.
O reencontro de três amigos marcados por um episódio traumático na sua infância é o ponto central da trama envolvente de Mystic River, um livro que catapultou Dennis Lehane para a categoria de um dos melhores escritores americanos da atualidade, tornando-se também um autor best-seller da lista do The New York Times.



Sean Devine, Jimmy Marcus e Dave Boyle são três amigos de infância. Um dia, um estranho carro parou na rua onde brincavam. Dave é levado pelos homens do carro, os outros ficam no passeio e algo de terrível vai acontecer que acabará com a amizade dos três e mudará as suas vidas para sempre. Vinte e cinco anos mais tarde, Sean é detetive de homicídios, Jimmy é um ex-presidiário dono de uma loja e Dave está a tentar controlar os seus demónios. Quando a filha mais velha de Jimmy aparece assassinada, Sean é um dos detetives encarregados do caso. Mystic River é um thriller psicológico excecional que serviu de base ao notável filme homónimo de Clint Eastwood.



Dennis Lehane nasceu e foi criado em Dorchester, Massachusetts. Antes de se dedicar à escrita a tempo inteiro, trabalhou com crianças sofrendo deficiências mentais e vítimas de abusos, foi empregado de mesa, motorista de limusinas, livreiro e carregador. Várias vezes premiadas e traduzidas em 22 línguas, algumas das suas obras foram também adaptadas ao cinema em filmes de grande êxito junto do público e da crítica, como Mystic River, Shutter Island e Gone, Baby, Gone.
Site do autor: www.dennislehane.com
Página do autor no Facebook: www.facebook.com/Dennis.Lehane



Não percam Mystic River, de Dennis Lehane. Se ele sabe escrever!
Elmore Leonard

Não há melhor razão que Mystic River para ficar em casa com um bom livro… Este é incrível: cheio de alma, estratosférico, cheio de suspense e movido pelas mais profundas emoções.
The New York Times

A maneira como esta história se desenrola e envolve os nossos mais profundos medos agarra-nos por dentro…
A capacidade para criar retratos cristalinos de humanidade e colocá-los depois no lado negro da vida é uma das bênçãos de um escritor.
USA Today

[Porto Editora]Novidade "O Dia da Águia",de Robert Muchamore

Título: O Dia da Águia
Autor: Robert Muchamore
Coleção: Henderson’s Boys
Tradução: Miguel Marques da Silva
Págs.: 384
Capa: mole
PVP: 12,90 €

O Dia da Águia, de Robert Muchamore
Segundo livro da terceira série do autor da coleção de sucesso CHERUB
Três meses depois da publicação de A Evasão, primeiro livro de Henderson’s Boys, uma nova coleção de Robert Muchamore, autor da saga de sucesso CHERUB, a Porto Editora vai lançar, a 30 de agosto, a segunda aventura, O Dia da Águia.
A série Henderson’s Boys revela as origens da instituição que dá nome a uma coleção de enorme êxito internacional, a CHERUB, braço juvenil do MI5 britânico.
Em Portugal, até ao momento, venderam-se mais de 330 mil livros de Robert Muchamore. O último título da primeira série, Tsunami, já foi editado e está disponível nas livrarias. Recentemente, a Porto Editora publicou também os dois primeiros livros da segunda série: República Popular e O Anjo da Guarda.
O novo sítio português dedicado às obras do autor, disponível em www.mundocherub.com, tem informações sobre todos os livros.


Final do verão, 1940.
Hitler conquistou França. Agora, tenciona atravessar o Canal e derrotar a Grã- Bretanha antes da chegada do inverno.
Um grupo de jovens refugiados comandados pelo espião britânico Charles Henderson enfrenta uma escolha difícil: partir para sul em direção à segurança da Espanha neutral ou seguir para norte numa missão arriscada para sabotar os planos de invasão dos alemães? Para efeitos oficiais, estas crianças não existem.



Robert Muchamore nasceu a 26 de dezembro de 1972, em Islington, Inglaterra. Trabalhou durante treze anos como detetive privado, mas abandonou a profissão para se dedicar à escrita a tempo inteiro.
Costuma levar quatro a cinco meses a escrever um livro, sendo que dedica o primeiro à pesquisa e o segundo à planificação da história. Só depois escreve. Segundo o próprio, tentar escrever aquilo que gostaria de ter lido aos 13 anos de idade foi a principal razão para a criação da coleção CHERUB.



É o autor estrangeiro preferido dos jovens leitores portugueses.
Diário de Notícias

Num país em que os pais se queixam sobre a falta de leitura dos filhos, Muchamore contraria esta situação.
Diário de Notícias

Robert Muchamore é o escritor infantojuvenil da atualidade.
Jornal de Notícias

Robert Muchamore, autor juvenil das séries CHERUB, arrasta multidões. 
Diário Económico

Livros do britânico Robert Muchamore são um sucesso entre os adolescentes.
RTP

Coleção que conquista milhões de jovens.
SIC

[Clube do Autor]Novidades 29 de Agosto

Titulo: Noites Brancas
Autor: Fiódor Dostoiévski
N. Páginas: 136
PVP: 10,50 €


Para a escritora Margarida Rebelo Pinto, Noites Brancas «é mais do que um livro que nos faz chorar de emoção, mais do que um livro terno e perfeito; é uma lição de vida imortal.» O romance de Dostoiévski foi eleito pela escritora portuguesa um dos mais belos livros de todos os tempos, e acaba por isso de integrar a Coleção “Os Livros da Minha Vida.»
Esta é uma coleção que visa destacar alguns dos livros que ao longo dos séculos marcaram a sua época e épocas seguintes, entraram para a História da Literatura e, por qualquer razão, se tornaram especiais para determinada personalidade pública. Margarida Rebelo Pinto vem assim juntar-se a José Eduardo Agualusa (Os Maias), Teresa Patrício Gouveia (Mrs. Dalloway), Francisco Pinto Balsemão (O Grande Gatsby), Miguel Sousa Tavares (A Ilha do Tesouro) e Eduardo Marçal Grilo (O Corsário Negro).
Numa noite luminosa, numa ponte sobre o rio Neva, um jovem sonhador depara-se com uma mulher em lágrimas. Petersburgo está mergulhada em mais uma das suas noites brancas, um fenómeno que faz as noites parecerem tão claras quanto os dias e que confere à cidade a atmosfera onírica ideal para o encontro entre essas duas almas perdidas.
Ao longo de quatro noites, o tímido jovem e a ingénua rapariga estabelecem laços intensos, mas o desenrolar romântico deste fugaz encontro pode estar ameaçado… Mas será isso realmente o mais importante?


Titulo: Quinta-feira no parque
Autor: Hilary Boyd
N. Páginas: 308
PVP: 16,00 €  


Quinta-feira no Parque, tal como As Cinquenta Sombras de Grey, depressa se tornou no livro sensação do ano no Reino Unido depois de várias semanas no primeiro lugar dos mais vendidos da Amazon.
O livro aborda o tema do amor e do sexo, este mais sugerido do que explícito, numa fase mais madura da vida. É como uma revolução. As mulheres mais velhas estão a começar a reivindicar a vida que querem para si, sem amarras. Hilary Boyd, a autora do mais recente bestseller do Reino Unido não tem dúvidas acerca do sucesso por detrás do seu livro: milhares de mulheres identificam-se com Jeanie, a protagonista de Quinta-feira no Parque.
Numa quinta-feira, Jeanie conhece Ray no parque e, aos poucos, vão cimentando uma amizade tranquila. Conversam, riem-se, partilham esperanças e segredos, e até desgostos de amor. Oferecem um ao outro uma nova oportunidade na vida e no amor, mas será que vão ter coragem de a agarrar?
Por que razão não posso encontrar-me com um homem no parque, enamorar-me e ter relações sexuais com ele? – pergunta Hilary Boyd. Lá por não ser jovem uma mulher não deixa de gostar de sexo, acrescenta. Neste sentido, Boyd acaba por incitar as mulheres a assumirem a sua liberdade de escolha e a não temerem julgamentos. Porque, afinal, o amor não tem prazo de validade.


Titulo: Sono Soninho
Autor: José Jorge Letria
Ilustração: Pedro Serapicos
N. Páginas: 32
PVP: 10,90 €


Sono Soninho é um livro especial para as horas de ternura que aproximam os mais crescidos dos mais pequeninos através da ponte dos afetos que pode durar vidas inteiras. As palavras de José Jorge Letria e as imagens de Pedro Serapicos combinam-se neste livro destinado a todos quantos nele queiram entrar para se sentirem mais próximos daqueles que, entrando no sono soninho, entram também no universo mágico dos sonhos e de tudo o que de fantástico neles cabe.
Como numa canção de embalar, Sono Soninho apresenta rimas simples e melodiosas para adormecer até o mais reguila dos pequenos grandes leitores de José Jorge Letria.

[Porto Editora]Novidade "O Barão",de Sveva Casati Modignani

Título: O Barão
Autor: Sveva Casati Modignani
Tradução: Regina Valente
Págs.: 504
Capa: mole com badanas
PVP: 16,60 € 

O Barão é o décimo livro da bestseller italiana publicado pela Porto Editora
A Porto Editora tem vindo a publicar, ao longo dos últimos cinco anos, a obra de uma das autoras de maior sucesso em Portugal: a italiana Sveva Casati Modignani. Nesse sentido, espera-se que a publicação do romance O Barão, a 30 de agosto, marque a chamada rentrée literária e represente um novo êxito.
Obras como Baunilha e Chocolate e Um Dia Naquele Inverno fizeram de Sveva um caso ímpar de popularidade e fidelidade por parte das leitoras. Depois de O Diabo e a Gemada, livro autobiográfico lançado em março, a Porto Editora publica um romance muito aguardado pelas fãs da autora. O Barão mostra os meandros de uma sociedade em que os velhos paradigmas sociais entram em confronto com uma classe disposta a tudo para ascender ao poder, criando um mosaico de personagens vibrantes.



Bruno Brian di Monreale, o Barão, como é conhecido, é o último descendente de uma antiga e nobre família siciliana. Bruno cresce na Califórnia, com um pai severo e distante e uma mãe dividida entre um casamento precipitado, onde não existe amor, e uma paixão deixada na sua Sicília longínqua. Mas são as raízes sicilianas que levam Bruno a regressar à sua ilha natal, ao seu avô, um velho aristocrata, e a Calò, o padrinho sempre presente. Serão estas duas figuras que lhe irão transmitir o saber ancestral das velhas famílias da nobreza e da sua ética e código de justiça. Bruno di Monreale envolve-se nos negócios do petróleo e das grandes multinacionais, tornando-se num homem poderoso e fascinante. Os amores inconsequentes e os casos fortuitos sucedem-se na sua vida glamorosa mas dominada pela insatisfação, até que se cruza com Karin, uma mulher reservada e misteriosa – o desafio por que Bruno ansiava e que lhe irá trazer o equilíbrio há tanto desejado.



Reconhecida como a grande signora do bestseller italiano, com mais de 11 milhões de exemplares vendidos, Sveva Casati Modignani está traduzida em 17 países e é hoje uma das autoras mais populares em Portugal. No catálogo da Porto Editora figuram já os seus romances Feminino Singular, Baunilha e Chocolate, O Jogo da Verdade, Desesperadamente Giulia, O Esplendor da Vida, A Siciliana, Mister Gregory, A Viela da Duquesa e Um Dia Naquele Inverno. A sua obra autobiográfica, O Diabo e a Gemada também já se encontra publicada no catálogo da Porto Editora.
Sveva Casati Modignani está no Facebook.

International Giveaway / Passatempo Internacional: Forget Me Not, by Sarah Daltry

Title: Forget Me Not
Author: Sarah Daltry


Lily had a crush on her brother's best friend, Derek for years - which led to their steamy night ten months ago in her bedroom. Now, Lily is going off to college and she and Derek are still going strong. However, when school starts, she realizes it's hard to maintain a relationship while also trying to live her own life. She and Derek find themselves falling apart and Lily has no idea where to turn.
Enter Jack. Everything about him is wrong for Lily and she knows it, but she can't stop herself from being attracted to him. When things implode with Derek, it's Jack who is there to pick up the pieces - and show Lily an entirely new set of experiences she didn't know she was missing.
Of course, Jack has his own problems and once Lily gets to know him better, she starts to wonder if she can handle all of Jack. When Derek reappears on the scene, Lily is forced to decide between two guys and herself. Can she find herself without losing the people who matter in the process?



Sarah Daltry writes erotica and romance. She's never happy staying in one place. When she isn't writing, she's usually looking for new and creative ways to waste time. Right now, those include shooting virtual monsters on Xbox, searching the internet for cat pictures, and watching terrible reality TV. 

Links:

Buy links:

International Giveaway

Olá! Hoje temos um novo passatempo internacional, onde temos para oferecer a dois seguidores do blogue uma copia do ebook “Forget Me Not” de Sarah Daltry. Gostaram da ideia? Espero que sim. Agora só têm de seguir as regras para poderem abilitar-se a ganhar este premio fantástico

Hello! Today we have a new international giveaway where we are going to giveaway a ecopy of “Forget Me Not” by Sarah Daltry to two blog followers. Do you like the idea? I hope so! Now, you only have to follow the rules to win this fantastic prize.

Regras:
* Ser Seguidor do blogue
* Ser seguidor da pagina de Facebook do blog
* Uma entrada por nome/email
* Passatempo internacional, todos podem participar.
* Um vencedor será escolhido pelo random.org no dia 31 de Agosto, as 23:59h.
* Se partilharem o passatempo no facebook ou twitter (ou nos dois) terão entrada dupla.

Rules:
* Follow the blog
* One entry by name/email
* Open WORLDWIDE (everyone can enter)
* One Winner will be chosen randomly on August 31st on random.org.
* If you post the Giveaway on Facebook or Twitter (or both) you have a double entry.


Boa sorte para todos! / Good Luck!