[Porto Editora]Opinião "Cavalo de Fogo: Congo",de Florencia Bonelli

Titulo: Cavalo de Fogo: Congo
Autor: Florencia Bonelli



A cirurgiã pediátrica Matilde Martínez abandona Paris rumo ao Congo levada por um sonho: aliviar o sofrimento das crianças vítimas da violência e da fome que imperam naquele país africano. No entanto, deixou para trás uma difícil história de amor que não consegue esquecer.
Por outro lado, o mercenário Eliah Al-Saud chega ao Congo movido por uma ambição: apoderar-se de uma mina de coltan, o minério mais cobiçado pelos fabricantes de telemóveis, que lhe renderá enormes lucros. Mas, acima de tudo, para recuperar Matilde, que considera a razão da sua vida. Os traumas e segredos que os distanciaram em Paris continuam latentes e, rodeados por um contexto cruel e injusto, a reconciliação parece impossível. Mas Matilde e Eliah tentarão fazer tudo para que o seu amor triunfe.
Um romance carregado de erotismo que dá seguimento à história de Cavalo de Fogo - Paris.



Este foi um dos livros mais aguardados do ano! Depois de muita ansiedade e dúvida acerca da publicação desta obra, eis que finalmente chega até nós o segundo volume da trilogia Cavalo de Fogo, da autora argentina Florencia Bonelli.
Já passaram vários meses depois da leitura do primeiro livro,mas felizmente a minha memória ainda se encontrava fresca e todos os pormenores importantes necessários para a compreensão esta obra continuavam à superfície. Não foi uma leitura fácil, foram muitas as cenas passadas em cenário de guerra e a parte de romance acabou um pouco deixada de lado, mesmo assim a perfeição com que a autora retractou toda aquele ambiente hostil cativou-me de uma maneira surpreendente e não descansei até terminar a leitura.
Em relação aos protagonistas, voltei a ficar emocionada pelos sentimentos de Eliah por Matilde. É verdade que são um pouco doentios e muito mais haveria a dizer acerca deles, mas o amor existente entre os dois é realmente extraordinário. Infelizmente há também muitas pessoas que tudo fazem para os separar e por isso, são sentimentos que estão constantemente a ser postos à prova. Mas na realidade a vida é mesmo assim, a felicidade é algo que nos foge por entre os dedos, de um momento para o outro. Penso que, de certa forma, a autora nos quis deixar a mensagem de vivermos os bons momentos e lutar por aquilo que nos faz realmente felizes.
Não quero entrar em mais detalhes acerca do livro, simplesmente porque não seria justo salientar uma ou outra parte. Não consigo explicar correctamente, mas esta é uma obra muito especial, que nos deixa com o coração muito apertadinho e, estar a contar algo acerca dela, iria decompor esse sentimento tão especial. Estou ansiosa por ler o ultimo livro da trilogia, acredito que a autora nos reservou algo fantástico para o final e, a ideia de ver os protagonistas finalmente juntos torna esta espera ainda mais difícil. Não vai ser uma tarefa fácil, até porque ainda há muitos assuntos pendentes que têm de ser resolvidos.
Espero que leiam e que gostem tanto deste livro como eu. Vai ficar no meu top dos melhores livros, juntamente com o primeiro!

0 comentários:

Enviar um comentário