[Divina Comédia]Novidade "Café Patita",de Patrícia Furtado

Titulo: Café Patita
Autora: Patrícia Furtado
Páginas: 160
Preço: € 22,00
Data de Lançamento: 14.11.2013


O Café Patita é visualmente muito rico, ou não tivesse saído das mãos de uma ilustradora e designer, sem deixar de ser extremamente prático para quem faz as receitas. Mas foi dada igual importância ao conteúdo. Porque a comida é algo que mexe com as nossas memórias e nos transporta para outros lugares, as receitas são acompanhada por histórias, apontamentos pessoais, que de algum modo fazem do Café Patita um livro para se ler, e não apenas consultar.
O Café Patita é uma colecção de receitas doces que podem ser feitas em qualquer cozinha. Não pedem equipamento profissional, técnicas difíceis, ingredientes exóticos. Foram escritas de modo a serem acessíveis ao cozinheiro mais inexperiente. E no entanto, apesar da simplicidade, são receitas interessantes, com combinações inesperadas, que se distanciam das receitas mais tradicionais que encontramos por aí. No Café Patita, fácil não é sinonimo de banal e, mais do que ter experiência, o importante é ter imaginação.


Organizadas de acordo com as ocasiões a que se destinam, há receitas para quando não se tem tempo nenhum, para quando apetece abusar um bocadinho, receitas mais exóticas ou mais saudáveis, para grandes festas e até para quando o chefe vai jantar lá a casa. Numa altura em que há cada vez mais preocupações com as intolerâncias alimentares, estão assinaladas e listadas todas as receitas sem glúten, sem lacticínios, sem ovos ou vegan.
E, sim, são todas doces. Com moderação, um doce feito em casa,
com ingredientes de boa qualidade, deixa qualquer pessoa um bocadinho mais feliz.
E isso também faz parte de ser saudável.


Patrícia Furtado é ilustradora e designer freelance. Nasceu em Lisboa, em 1977. A criatividade que usa diariamente na sua vida profissional é, também, uma poderosa ferramenta na cozinha, onde gosta de passar o seu tempo livre a combinar sabores, cores e texturas. O “Café Patita” é, assim, o cruzamento de tudo aquilo que sabe e gosta de fazer.

0 comentários:

Enviar um comentário