[Sextante Editora]Novidade "Deixa lá | Más novas",de Edward St Aubyn

Título: Deixa lá | Más novas
Autor: Edward St Aubyn
Tradutor: Daniel Jonas
Págs.: 288
PVP: € 16,60


O primeiro volume do quinteto sobre a família Melrose é composto pelos livros Deixa lá e Más novas
Edward St Aubyn é um dos mais proeminentes escritores ingleses da sua geração, apelidado de brilhante pelos seus pares e pela crítica. Em Portugal, Miguel Esteves Cardoso já se declarou um admirador: “Dirão que St Aubyn é um classicista mas a verdade é que é moderno. Escreve é muitíssimo bem. É capaz da maior frieza e da maior empatia. Tem um sentido de humor monumental, no verdadeiro sentido da palavra. É um gozão e um gozador; um tarado e um observador.” A partir do dia 1 de novembro, este surpreendente autor vai deixar de estar inédito em Portugal, com a publicação, pela Sextante Editora, de Deixa lá | Más novas, volume que inclui os dois primeiros livros do quinteto A família Melrose. Nesses cinco livros - que a Sextante Editora publicará em 3 volumes -, «St Aubyn observa uma família inteira debaixo de um microscópio e desvela todas as suas dolorosas e inevitáveis complexidades», diz a escritora Maggie O’Farrel, que apelida cada um dos romances de obras-primas.



Neste volume publicam-se os dois primeiros livros de um quinteto, escrito entre 1996 e 2012, que segue a vida de Patrick Melrose.
Em Deixa lá, Patrick é o filho de cinco anos, frágil e filosófico, de um pai brutal e uma mãe omissa. Reunida numa casa na Provença, a aristocrática família aguarda a chegada de visitas.
Em Más novas, Patrick, agora com vinte e dois anos, recebe um telefonema: o pai morreu, e ele terá de voar até Nova Iorque para recolher as suas cinzas. Aí chegado, gasta dinheiro a rodos num festim de drogas e bebida, na tentativa de silenciar o bizarro circo de feras em que se tornou a sua mente.



Edward St Aubyn nasceu em Londres, em 1960, e estudou Literatura Inglesa em Oxford. Os cinco romances sobre Patrick Melrose foram premiados, aclamados pela crítica e pelos pares, e culminaram na consagração internacional do autor.



Viva Edward St Aubyn!
Miguel Esteves Cardoso

Talvez o mais brilhante romancista inglês da sua geração.
Alan Hollinghurst

Nada nos pode preparar para a comédia rica e acerba do mundo de St Aubyn ou para a sua densidade filosófica.
Zadie Smith

Um dos mais proeminentes autores da sua geração.
Will Self

Os romances da família Melrose são uma obra-prima do século XXI, escrita por um dos nossos maiores prosadores.
Alice Sebold

Uma verve fulgurante e cáustica. Talvez a própria vivacidade da prosa – a sua concisão lapidar e segurança moral – represente a cura que as personagens procuram. Uma prosa tão bem escrita é em si mesmo uma forma de sanidade.
Edmund White, The Guardian

A prosa de St Aubyn tem um charme espontâneo que mascara um intelecto feroz e inquiridor. Um dos melhores escritores da sua geração.
The Times

0 comentários:

Enviar um comentário