[Quinta Essência]Opinião "Mais Forte Que o Desejo",de Cheryl Holt

Titulo: Mais Forte Que o Desejo
Autor: Cheryl Holt



Com a família a atravessar uma grave situação financeira, Olivia Hopkins dispõe-se a conseguir uma proposta de casamento do já maduro conde de Salisbury. Contudo, o plano cai por terra quando ela descobre um livro erótico na biblioteca do conde. O livro incendeia o corpo de Olivia, que não consegue pô-lo de lado, até ser apanhada em flagrante pelo diabolicamente bonito filho do conde, um homem que lhe acelera o coração e lhe preenche o imaginário com pensamentos escaldantes… Phillip Paxton não consegue acreditar na sua boa sorte. O facto de ter apanhado Olivia com aquele livro picante confere-lhe a maravilhosa oportunidade de humilhar o pai que despreza. Servindo-se do livro como isco, Phillip atrai Olivia para uma ligação eletrizante que resulta em ardentes lições de paixão. Phillip não esperava apaixonar-se pela sua encantadora aluna, mas o que começa como um esquema libertino em breve se transforma num romance genuíno e que Phillip protegerá a qualquer custo…


Cheryl Holt tem um lugar especial no meu coração, talvez resultado da enorme simpatia da autora, misturada pelo talento demonstrado em cada livro. A verdade é que sempre que um dos seus livros é publicado em Portugal, tenho sempre de o obter, é mais forte do que eu. Este não foi excepção! Assim que tive conhecimento deste “Mais Forte Que o Desejo”, não descansei até o ter na mão. Cheryl Holt não é apenas a Rainha do Romance Sensual, ela transforma aquilo que escreve em algo mas profundo, faz-nos viajar no tempo e participar na história como se a estivéssemos a viver. Isso torna-a muito especial!
Apesar de todos os elogios dirigidos à autora, tenho de confessar que este livro acabou por me decepcionar um pouco. Não é que não tenha gostado, o problema é que comparando com outros trabalhos, este ficou aquém das minhas expectativas e talvez isso tenha acontecido pela quantidade de histórias que se foram desenvolvendo ao longo do livro. Neste livro não temos apenas a história dos protagonistas, há também uma serie de sub-histórias (se assim podem ser chamadas) que vão tirando a atenção do autor daquilo que está a ser desenvolvido na ação principal. Gostei muito de Olivia e Philip, os protagonistas conseguem cativar o leitor desde o início, prendendo a atenção daquilo que se estava a pensar entre eles logo no início. Philip, apesar de ser filho de um conde, é também um bastardo, por isso a sua relação com Olivia não é nada fácil, pois a rapariga precisa de fazer um bom casamento para ajudar a família que se encontra na bancarrota. A história dos dois é também dificultada pela malvada madrasta de Olívia, que apenas se preocupa com as aparências e que tudo faz para que os seus interesses sejam satisfeitos. Ela não se preocupa com os outros e na sua maldade, é capaz de entregar uma pobre criança deficiente a um orfanato para que se mantenham as aparências de que o sangue da família é puro. Ao tomar mais atenção nas ações da enteada acaba por descurar na sua própria filha, o que irá acabar por ser a sua perdição.
Um livro cheio de romance, intriga e sedução. A não perder!

0 comentários:

Enviar um comentário