[Asa]Opinião "Deslumbrante", de Madeline Hunter

Titulo: Deslumbrante
Autor: Madeline Hunter



Numa época em que a reputação de uma mulher é o seu bem mais precioso, Audrianna desafia todas as convenções. Ela é uma jovem determinada, independente... e disposta a tudo para aniquilar o seu adversário, o altivo Lord Sebastian Sommerhayes. A uni-los está um homem: o pai de Audrianna, que morreu envolto nas malhas de uma conspiração. Para Audrianna, essa tragédia significou o fim da sua inocência. Para Sebastian, que liderou a investigação, foi apenas uma morte merecida. Audrianna jurou limpar o nome do pai, mas nunca esperou sentir um desejo tão avassalador pelo homem que o arrasou. A busca pela verdade vai levá-la demasiado longe numa sociedade que é implacável perante a ousadia feminina. Ao ver-se mergulhada num escândalo que pode ser-lhe fatal, Audrianna tem apenas uma inconcebível opção... Deslumbrante é o primeiro volume da série As Flores Mais Raras. Mais uma apaixonante e sensual saga histórica pela mão da Rainha do Romance.



Há alturas em que se torna difícil escrever uma opinião. Primeiro porque ainda estamos num estado comatoso depois da leitura do livro e depois porque muitas vezes acabamos por repetir um pouco aquilo que já dissemos em outras opiniões. Claro que falo por mim mesma e muitos de vocês pode pensar algo do género “Mas ela gosta de todos os livros que lê?” e a resposta que vos dou é que, na verdade, isso realmente acontece porque não me aventuro demasiado para além daquilo que tenho quase a certeza que vou gostar, afinal se o tempo passa tão depressa, então porque irei eu gastá-lo em autores que sei A priori que não irei gostar ou que não irei gostar tanto quando comparado com outros? É verdade também que muitas vezes sou surpreendida por novos autores, mas isso acaba por acontecer muito poucas vezes e quando acontece é porque antes de escolher esse livro já pesquisei na internet sobre ele e sei que as críticas são positivas.
Estou a mencionar tudo isto, não para vos cansar, mas para dar a conhecer que este livro insere-se na mesma opinião dos anteriores. Madeline Hunter mantém a escrita que tanto a distingue e apresenta-nos mais um livro fantástico e pelo qual fiquei mais uma vez deslumbrada. Sendo o primeiro livro de uma nova serie, as personagens foram-nos apresentadas de uma forma um pouco mais profunda, ficamos a conhecer um pouco daquilo que escondem e também com a percepção do que nos aguardam os próximos volumes. Gostei muito da protagonista, que se conseguiu manter sempre forte e com uma grande determinação para atingir os seus objectivos. Ao contrário daquilo que estamos habituados em outros romances do género, Madeline criou uma personagem principal feminina com uma personalidade forte e que não se deixa abater perante as dificuldades, nem se deixa rebaixar perante outras personagens de maior estatuto social que ela. Tem convicções muito suas e irá até ao fim para descobrir a verdade. Quanto ao protagonista masculino, à primeira vista parece um pouco mais apagado pela presença do irmão. Isso acontece visto que ele apenas estar numa posição de poder porque esse irmão se encontra numa cama, incapacitado das pernas para baixo devido a ferimentos de guerra. Apesar disso, ele não mostra qualquer ressentimento e luta todos os dias pelos ideais da sua família perante o governo e os seus pares. Ele é um homem integro, inteligente e que tudo faz para proteger aqueles que ama. A autora criou então um enredo de acção, romance e mistério, num tempo em que a posição social e a imagem são o mais importante, fazendo com que Audrianna (a protagonista feminina) mostre então o que vale perante uma sociedade difícil e uma família em que a mais pequena falha é esmiuçada pelas mais altas posições sociais.
Não sei o que me prende tanto a estes livros, talvez seja toda a formalidade imposta ou a sensualidade exposta num jogo entre o querer e o dever de cada um…o que tenho a certeza é que são raros os livros do género que me passam ao lado, principalmente se a acção de passar no período da Regência.
No meio de tanto elogio tenho que indicar um ponto negativo, que não é apontado ao livro, mas sim à editora. A verdade é que neste momento temos já duas series da autora inacabadas, sendo estas a série Medieval, que apenas foram lançados os três últimos livros da serie (“Casamento por Conveniência”, “O Protector” e “Mil Noites de Paixão”) e a outra serie Os Sedutores, que apenas foi lançado o primeiro “O Sedutor”. É realmente uma pena que estas duas não tenham sido terminadas e agora nos seja apresentada uma nova, espero sinceramente um dia poder ver a minha estante com as series completas, pois tenham adorado cada um delas.
Deslumbrante é então o ponto de partida para mais uma serie fantástica e que espero poder seguir atentamente. Madeline Hunter, you did it again!

0 comentários:

Enviar um comentário