[Quinta Essência]Opinião "Perfume de Jasmim",de Jude Deveraux

Titulo: Perfume de Jasmim
Autor: Jude Deveraux



Charleston, 1799: Catherine Edilean Harcourt não tem falta de pretendentes na Virginia, e espera realizar o seu sonho de casar e ter uma família. Mas o espírito aventureiro do Cay é despertado ao visitar o seu padrinho na Carolina do Sul. Acamado com uma perna partida, ele pede a Cay que o substitua numa missão urgente: a caminho de um baile de máscaras, ela deve entregar um cavalo selado ao filho de um velho amigo... que por acaso também é um fugitivo acusado de assassinar a mulher! Cay concorda com o plano, que não corre nada como planeado... e encontra-se em fuga com Alexander McDowell. Embora devesse temê-lo, Cay sente-se atraída para Alex e convence-se da sua inocência enquanto procuram refúgio nos Everglades da Florida. Será que confiar nele vai ser o pior erro da sua vida? Ou apaixonarem-se será a salvação que ambos procuravam?



Jude Deveraux veio mais uma vez mostrar-nos aquilo de que é capaz com a sua escrita fantástica e os seus romances inesquecíveis. Estou completamente viciada pelos seus livros e tento manter-me sempre actualizada acerca do seu trabalho. Tenho reparado que ao longo dos livros desta saga, a qualidade tem aumentado e tenho apreciado bastante estas histórias que se desenrolam no passado. Acho que foi uma excelente ideia e acabamos por conhecer mais um pouco acerca das pessoas que fundaram Edilean e das suas famílias.
Este livro vem no seguimento de um outro anterior nesta saga chamado “Dias de Ouro”, em que os protagonistas eram os pais da personagem principal feminina desta história. Foi engraçado e também interessante poder descobrir mais um pouco da continuidade da vida dessas personagens, mas mais engraçado foi conhecer este casal. Cay e Alex, apesar das aparentes diferenças que os separam, são demasiado parecidos nas suas personalidades, o que acaba por fazer com que o leitor não consigo tirar o sorriso do rosto. Apesar de todas as dificuldades que encontraram, o humor sempre foi predominante e assim foram solidificando os seus sentimentos e criando uma relação que se foi construindo aos poucos. Na verdade, penso que é este a principal lição deste livro. Uma relação de amor, que deve ser sólida, que deve ser criada ao longo de tempo, que deve ter como fundações não apenas o amor, mas também a confiança e liberdade entre os dois. Os irmãos de Cay, apesar de não terem aparecido muito nesta história, acabaram por ser também muito importantes, mostrando ao leitor o quanto eram unidos e nas coisas que faziam por amor à irmã. Não há dúvida de que a autora pega em exemplos da vida real e os transporta para a fantasia dos seus livros. Adoro isso! No final da leitura, fiquei com vontade de reler certos aspectos da serie que confesso ter esquecido, como por exemplo a quinta Merlin…isto é o que acontece quando demoramos tanto tempo a ter acesso aos livros seguintes.
Apesar de todas as coisas boas que tenho a dizer deste livro, tenho a apontar o enorme erro deste livro não sair na altura devida. A verdade é que já devia ter sido publicado a seguir ao livro “Perfume de Paixão”, pois este é o quarto livro da serie e saiu em quinto lugar. De qualquer forma acabou por não ser um erro assim tão tremendo e fico contente por o terem finalmente publicado. Continuo a adorar os livros da autora e espero poder ler o próximo em breve.

0 comentários:

Enviar um comentário