[Asa]Opinião - "O Mundo Invisivel",de Katherine Webb


Katherine Webb



















Sinopse: O verão quente de 1911 vê chegar à pacata aldeia de Cold Ash Holt dois novos habitantes. Cat Morley, a nova criada do reverendo Albert Canning e da sua mulher, Hester, vem de Londres. Cat é rebelde e ousada mas é também incapaz de esquecer um passado demasiado doloroso. A tímida mulher do reverendo fica ainda mais inquieta quando o marido lhe apresenta o outro desconhecido, abrindo as portas de sua casa não apenas a um jovem atraente e carismático, mas também a uma perigosa obsessão. O calor opressivo daquele verão parece intensificar-se e impregnar tudo e todos, e o ambiente na reitoria fica carregado de ambição, paixão e ciúme; uma mistura de emoções tão poderosa que conduz, em última instância, ao homicídio. Cem anos depois, cabe a Leah, jornalista incansável, decifrar duas enigmáticas cartas e juntar as peças de um quebra-cabeças assombroso.


Opinião: Numa só palavra: viciante! Este é um daqueles livros que dá vontade de virar a página e saber o que vai acontecer de seguida. Para além da acção ser passada em dois tempos diferentes (1911 e 2011), a autora mostra uma profunda sabedoria sobre o momento certo de mudança de século, deixando o leitor com vontade de saber o que se vai passar a seguir em cada um deles. Ainda não tive oportunidade de ler o outro título da autora lançado pela Asa, “A Herança”, mas já ouvi falar muito bem desse livro também. Parece que Katherine Webb tem o dom da palavra e demonstra isso muito bem através das páginas dos livros. Até ao momento final nunca consegui adivinhar o que ia acontecer, qual das personagens iria morrer. Uma morte era certa, o mais difícil era descobrir qual era! Apesar de tudo se passar num curto espaço de tempo não notei aquela velocidade no decorrer dos acontecimentos que muitas vezes nos deixa decepcionadas por não serem muito desenvolvidos, nesta historia tudo acontece com uma calma enorme e descrições feitas nas alturas certas, deixando qualquer leitor maravilhado com a história que tem na sua frente.

0 comentários:

Enviar um comentário