[SDE]Opinião - "O Caçador de Sonhos",de Sherrilyn Kenyon


Sherrylin Kenyon
















Sinopse: Condenado pelos deuses a viver para toda a eternidade sem emoções, Arikos apenas consegue sentir através dos sonhos dos outros. Durante milhares de anos vagueou pelo inconsciente humano em busca de sensações. Agora encontrou finalmente uma sonhadora cuja mente vívida é capaz de preencher o seu próprio vazio. Megeara Kafieri testemunhou a ruína do pai na sua demanda para provar a existência de Atlântida. A promessa da filha, no leito de morte do pai, de resgatar a reputação dele, trouxe-a até à Grécia, onde a jovem tenciona provar que a mítica ilha está no local identificado pelo pai. Em vez disso, Megeara encontra um estranho a flutuar no mar - um estranho cujo rosto reconhece de muitos dos seus sonhos. O que Megeara desconhece é que Arik esconde mais segredos do que aqueles de que ela precisa para encontrar a Atlântida. Arik fez um pacto com Hades: em troca de duas semanas como mortal, ele terá de regressar ao Olimpo com uma alma mortal... a de Megeara.


Opinião: Palavras para quê? Começo a repetir-me de cada vez que dou a opinião sobre esta serie. Neste volume, Sherrylin Kenyon mostra-nos mais uma vez o seu poder deixando-nos estasiadas e ansiosas pelos próximos desenvolvimentos. Este livro é um pouco diferente dos anteriores, é o primeiro que nos trás uma personagem principal que é um caçador de sonhos, ou no original, um Dream-Hunter. Estes são os deuses dos sonhos, que foram castigados por Zeus por causa de uma brincadeira quase inofensiva, foram castigados de uma forma cruel ao serem-lhes retirados os seus sentimentos. Mas isso está a mudar, a maldição de Zeus está a fraquejar e eles estão a começar a sentir novamente… Este livro é um retorno no tempo, é passado no ano de 1996, na Grécia, onde Megeara irá fazer tudo para encontrar a Atlântida e limpar o nome do seu pai e conhecemos também Arik, um skotos que se sente atraído pelos sentimentos que Megeara transmite através dos seus sonhos. Ele fica um pouco obcecado por ela e faz um acordo com Hades para poder ser humano durante duas semanas, só que descobre tarde demais que em troca o malvado Deus quer a vida de Megeara. Então vai para a Terra tentar aproveitar todo o tempo para estar com ela. Como sempre adorei o livro, voltamos a ver personagens que nos são queridas, outras bastante misteriosas e até algumas com um sentido de humor bastante. Neste livro podemos ver pela primeira vez Solin, que é meio-irmão de Arik e por isso odiado pelos deuses (eles odeiam mestiços, pois a mãe de Solin era humana), ZT, um Chthonian que apesar do seu duro trabalho demostra nutrir algum sentimento pela raça humana. Kat, uma serva de Artemisa que parece ter mais poderes do que realmente mostra e também Tory, a prima de Megeara que ainda tem muito para nos contar… Não quero contar muito da história, a ultima coisa que vos direi é que Sherrilyn Kenyon não nos desapontou com este livro. Achei incrível aquele final, com o Nick ainda adolescente e na forma como Acheron sem qualquer malicia iniciou algo de tao terrível que irá mudar a vida de todos eles…leiam este livro e não se irão arrepender.

2 comentários:

  1. Fiquei bastante interessada em ler este livro! Vai já para a minha wishlist. :)

    Estou a seguir o Blog.

    Bjs :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Joana,fico feliz pela minha critica ter despertado o teu interesse. Acredita que este livro é mesmo muito bom. Boas leituras e vai visitando este cantinho :P

      Beijinhos

      Eliminar