[Porto Editora]Jovens de Futuro - as boas práticas do Projeto EPIS‏


Título: Jovens de Futuro –Como boas práticas podem levar os jovens a conquistar o futuro
Autores: Diogo Simões Pereira (Org.), Paulo Nossa, José Manuel Canavarro, Rita Vaz Pinto, Luísa Mantas
Págs: 80
PVP: € 12,50
PVP WOOK.PT: € 11,25

O retrato do trabalho realizado durante três anos através das histórias de nove jovens.
Lançamento esta quarta-feira, em Lisboa.
O que têm em comum a Ana, a Cátia, o Francisco, o João, a Luísa, a Maria, a Rita, o Simão e a Vânia? Histórias de vida marcadas por inúmeras dificuldades, que os encaminhavam para o destino do insucesso ou abandono escolar. Mas têm também em comum o facto de terem beneficiado do apoio dado pelos mediadores do Projeto EPIS – 3.º ciclo.
Jovens de Futuro – Como boas práticas podem levar os jovens a conquistar o futuro é um livro que apresenta o trabalho desenvolvido, entre 2007 e 2010, pela EPIS, envolvendo 88 escolas com 3.º ciclo do ensino básico, abrangendo cerca de 30.000 alunos e 50 técnicos especializados. Da responsabilidade de Diogo Simões Pereira, diretor-geral da Associação EPIS, e de Paulo Nossa, José Manuel Canavarro, Rita Vaz Pinto e Luísa Mantas, este livro será apresentado esta quarta-feira, dia 18 de janeiro, pelas 18:30, no Restaurante, Piso 7 do El Corte Inglés de Lisboa.
Dando corpo aos objetivos definidos pela Associação EPIS aquando da sua fundação – com especial enfoque na inclusão social –, este projeto foi concebido com a intenção de desenvolver estratégias de mediação orientadas para o combate ao insucesso escolar e, também, de um conjunto de procedimentos para mensurar e combater o abandono por parte de jovens ao nível do 3.º ciclo do ensino básico.
A metodologia seguida pelos responsáveis do projeto, as dificuldades sentidas no terreno e o sucesso atingido são aspetos presentes neste livro, no qual sobressaem as histórias de nove jovens que beneficiaram do apoio dos mediadores EPIS.
A Associação EPIS – Empresários Pela Inclusão Social foi criada em 2006 e tem, como missão prioritária, combater o insucesso e o abandono escolar como ponto de partida para o desenvolvimento individual dos jovens portugueses e não portugueses, residentes em Portugal, com vista à sua inclusão social e tendo por aspiração a construção de um modelo coletivo de cidadania moderna.
A Porto Editora é sócia fundadora da Associação EPIS, materializando, também por esta via, a responsabilidade de ser a maior editora portuguesa na área da educação.

Lançamento quarta-feira, 18 de janeiro, 18:30, no Restaurante, Piso 7 do El Corte Inglés de Lisboa.



0 comentários:

Enviar um comentário