Editorial Presença - Mulheres de Vida Apaixonada [Opinião]


Titulo: Mulheres de Vida Apaixonada - Tudo por um sonho
Autor: María Pilar Queralt del Hierro
Edição: 2011
Páginas: 252

Sinopse: María Pilar Queralt del Hierro reuniu neste livro uma seleção de biografias de mulheres de todas as épocas que se destacaram pelas suas vidas excecionais. O elemento comum da narrativa é o do seu trágico fim. Para Maria Pilar Queralt del Hierro «Como elas, muitas outras mulheres deram a sua vida por um sonho. Umas foram votadas eternamente ao anonimato, outras tornaram-se conhecidas. Justo é, pois, que as recordemos». A biografia de mulheres como Hipácia de Alexandria, Cleópatra, Inês de Castro, Joana d’Arc, Olympe de Gouge, Leonor de Távora, Isadora Duncan, Rosa Luxemburgo, Eva Braun, Diana de Gales, entre tantas outras, poderá ser encontrada neste livro que assinala momentos altos da história no feminino.


Opinião:Ao longo da Historia a mulher foi sempre alguém considerado apenas para a reprodução, alguém para manter em casa e cuidar dos filhos. De cada vez que nascia uma mulher que se destacasse das outras, com uma mente avançada para o seu tempo, com coragem para desafiar as leis da sociedade, era considerada como um demónio ou alguém perigoso para todos.
São as vidas de algumas dessas mulheres que são apresentadas neste livro. Mulheres fortes, corajosas, cultas, lindas, mulheres que tinham tudo para ser bem-sucedidas, mas que por serem diferentes foram cruelmente assassinadas, muitas vezes pela própria família ou então o próprio destino tratou de lhes retirar a vida. Falo de Cleopatra, Joana D’Arc, Grace Kelly, Diana de Gales, e muitas outras…
Um livro extraordinário, sobre pessoas extraordinárias que lutaram pelos seus ideais, que não se detiveram perante nada para lutar pelos seus sonhos.
Recomendo este livro a todas as mulheres (e homens também, claro), para que possam conhecer os grandes feitos destas pessoas e também, muitas vezes, a crueldade de que foram alvo. Apesar de já ser autora do bestseller “Inês de Castro”, foi a primeira vez que li um livro de María Pilar Queralt del Hierro e posso dizer que, provavelmente, é uma das melhores autoras dentro do seu estilo literário. Consegue descrever-nos a vida e morte destas mulheres sem nunca mostrar um traço de favorecimento para esta ou aquela personagem, focando-se apenas nos factos, mas ao mesmo tempo não ter aquele toque monótono que alguns autores nos apresentam em algumas biografias.

2 comentários:

  1. Quero ler, com certeza....será que ja está disponivel aqui??

    ResponderEliminar
  2. Fernanda, o livro acabou de sair em Portugal! :)

    ResponderEliminar