Conferência por Fernand Schwarz sobre «A complexidade, o sagrado e o novo paradigma das ciências»

Convite



O Instituto Internacional Hermes Portugal tem o prazer de convidar V. Exa. a assistir à conferência subordinada ao tema, «A complexidade, o sagrado e o novo paradigma das ciências», que terá lugar no Espaço D. Dinis da Nova Acrópole sito na avenida António Augusto de Aguiar, 17 – 4º esq., em Lisboa (perto da estação de Metro «Parque»), na próxima sexta-feira, 21/10, às 19h30.

A conferência será proferida pelo Prof. Dr. Fernand Schwarz, director internacional do Instituto Hermes e Cruz de Paris de Artes e Ciências, foi catedrático e director do módulo de antropologia religiosa da École d'Anthropologie de Paris.

Nota: a conferência será proferida em espanhol (com tradução consecutiva, quando necessário).

Esta actividade organizada em parceria com a Associação Cultural Nova Acrópole tem o apoio da APOCOSIS - Associação Portuguesa da Complexidade Sistémica, da Tertúlia «Letras Com(n)Vida» - promovida pelo CLEPUL da Faculdade de Letras e SPA - e da editora Ésquilo.


Nesta conferência, Fernand Schwarz irá sintetizar o novo enfoque dos postulados mais recentes da teoria da complexidade, nomeadamente pelo biólogo Stuart Kaufmann (autor do revolucionário Reinventing the Sacred), que permite uma abordagem transdisciplinar na ciência, o diálogo entre as ciências (denominadas) exactas com as humanas, e a aproximação entre ciência, filosofia e religião. Numa linguagem acessível a todos serão transmitidas conceitos como «sistemas adaptativos complexos», «autopoiesis», as propostas fundamentais de Edgar Morin e as bases de um novo paradigma das ciências.



Fernand Schwarz, filósofo, antropólogo e egiptólogo, é uma das figuras com maior protagonismo nos séculos XX e XXI no âmbito de uma nova abordagem científica e filosófica, seguindo a linha das célebres conferências Eranos. Participou nos encontros onde pontificavam Georges Dumézil, Gilbert Durand, Edgar Morin, Mircea Eliade (organizou o In Memoriam em sua homenagem), Antoine Faivre, Lupasco e outras individualidades que deram um forte contributo na construção de novos paradigmas na Ciência. No âmbito da antropologia do imaginário trabalhou em parceria com o seu grande amigo Gilbert Durand.
É professor convidado em várias universidades do mundo (Argentina, Brasil, França), co-autor de documentários internacionais para a televisão francesa, fundador e director do Instituto Internacional Hermes e fundador da antropologia bio-cultural e empresarial (Universidade de Paris). Publicou mais de uma dezena de livros na área da egiptologia, filosofia e antropologia publicados em várias línguas. Assume-se como um investigador das estruturas míticas e simbólicas, tanto das sociedades antigas tradicionais como das modernas, pesquisa à qual se dedica desde há trinta anos.



Página oficial de Fernand Schwarz: http://fernand.schwarz.free.fr/

0 comentários:

Enviar um comentário