A Casa dos Amores Impossíveis

Cristina Lópes Barrio





Uma história mágica e fascinante, repleta de paixão, ódio, vingança, amor e tragédia, na linha das grandes sagas familiares da literatura.










As mulheres Laguna carregam uma terrível maldição: sofrem de males de amor e dão à luz meninas que perpetuam essa herança cruel.
Mas quando, após décadas de paixões proibidas e de amores trágicos, nasce
o primeiro varão na família, abre-se a porta da esperança.
Será o fim da maldição das mulheres Laguna?

Clara Laguna é uma bela jovem de olhos dourados, cuja vida está marcada pelo destino. Quando se apaixona perdidamente por um caçador andaluz, a sua mãe, a feiticeira local, avisa-a da maldição que impera sobre as mulheres Laguna: estão condenadas a sofrer por amor e a conceber mulheres que padecerão do mesmo mal. Depois de Clara engravidar, o caçador abandona-a e esta, cega de raiva, decide abrir um bordel na casa que ele lhe oferecera. É nesta mansão vermelha, rodeada por um jardim em permanente Primavera, que a jovem dará à luz a sua filha Manuela. 
Enquanto Clara se converte na prostituta mais solicitada da região, Manuela é criada por Bernarda, a cozinheira. Com o passar dos anos, acentua-se o ódio que sente pela mãe e Manuela dedica-se de corpo e alma a tentar limpar o nome manchado das Laguna, acreditando que só assim a maldição acabará.
Após a morte de Clara, Manuela passa algum tempo na Galiza, mas regressa à mansão vermelha com uma nova Laguna no ventre. Olvido, a recém-nascida, converte-se numa rapariga ainda mais bela do que a avó e, apesar  de a mãe, manter a boca fechada em casa, atrai as atenções de Esteban, o filho do mestre-escola... 

Num registo literário marcado pelo ambiente de realismo mágico que só os grandes escritores conseguem, vamos acompanhando a saga desta família. Uma história mágica e apaixonante que desperta os sentidos. 
Na tradição de Isabel Allende e García Márquez, o melhor do realismo mágico num livro que não deixará ninguém indiferente. Uma história mágica e fascinante repleta de amor, ódio, vingança e tragédia, na linha das sagas familiares da literatura.

0 comentários:

Enviar um comentário